Foto: Reprodução Internet

Dados da ABREDIF (Associação Brasileira de Empresas Funerárias e Administraras de Planos Funerários) mostram que o custo médio para ser enterrado no Brasil é de R$ 2.500. No Rio de Janeiro, a média é de 29 dias trabalhados para custear os gastos de um enterro.

Outra parte do estudo mostrou quanto seria necessário investir ao mês para ser possível custear esses valores. Para 5 anos de investimento, com o aporte mensal sendo investido em algum título que renda a taxa básica de juros comparado ao valor médio do enterro sendo inflacionado pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), o valor mensal a ser investido seria R$ 41,99. Esse valor se reduz com o tempo: R$ 20,99 para 10 anos, R$ 10,31 para 20 e assim por diante.

Também identificou-se o quanto um indivíduo deveria investir por mês para estar preparado para lidar com as despesas de um enterro médio. Para tanto, consideraram-se duas correções de valores: o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) para corrigir o valor de um enterro médio, que registrou a taxa móvel anual de 2,89% a.a. em set/2019, e a Taxa Básica de Juros (Selic), corrigindo o valor do aporte mensal, no valor de 5,5% a.a..

Acesse a íntegra do estudo feito pela ABREDIF

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui