Escola para 800 alunos será inaugurada no Jockey Club do Rio, na Gávea

A nova unidade de ensino atenderá, principalmente, os estudantes que moram em bairros como Gávea, Jardim Botânico, Leblon, Lagoa e São Conrado. O setor de educação de alto padrão está em expansão na cidade

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Unidade do PH na Barra da Tijuca (Foto: Divulgação)

O Jockey Clube Brasileiro, na Gávea, junto à Lagoa, irá abrigar uma nova unidade do colégio PH, que terá capacidade para 800 alunos. Há anos, com o declínio do turfe, o classudo Clube da Zona Sul vem ganhando espaços ociosos em sua imensa sede. Segundo fontes do mercado imobiliário, a tendência da instituição seria otimizar mais e mais o uso de seus imóveis; ali na Zona Sul, são muitos terrenos, antigas cocheiras – que seriam tombadas pelo IRPH – e casas que não são mais utilizadas estariam ociosas. No Centro, o imenso prédio do clube na Av. Presidente Antônio Carlos também se encontra praticamente desocupado.

Aproveitando os anseios dos sócios do clube, o negócio foi celebrado e após 25 anos localizado na Rua Garcia D’Avila, em Ipanema, o tradicional colégio PH será transferido com uma nova estrutura e a abertura de novas turmas para o novo endereço na Zona Sul do Rio. Com 3 mil metros quadrados dentro do Jockey, o espaço contará com quadra poliesportiva, parquinho, espaços arborizados, quadra de futevôlei e até beach tennis.

A nova filial vai funcionar no espaço onde é hoje a Escola Jockey Club, que é beneficente, e vai continuar dentro do clube. A instituição será transferida para um novo prédio, que está sendo construído próximo à Avenida Borges de Medeiros. Até lá, os estudantes terão aulas normalmente num espaço anexo.

O PH de Ipanema conta hoje com 140 alunos, todos do Ensino Médio. No novo espaço será possível oferecer turmas de Ensino Fundamental I (1º ao 5º ano) e Ensino Fundamental II (6º ao 9º ano). A expectativa dos administradores da instituição é de que a unidade do Jockey Club atenda estudantes de cinco bairros da região: Gávea, Jardim Botânico, Leblon, Lagoa e São Conrado.

Advertisement

O PH é uma escola contemporânea, preocupada com o desenvolvimento integral das crianças e dos jovens. Estamos altamente conectados com os desafios e com as possibilidades do século 21. Entendemos que é fundamental trabalhar comportamentos e valores, ao mesmo tempo em que desenvolvemos os conteúdos acadêmicos. É uma educação de vanguarda que prepara cada aluno para trilhar seu próprio caminho de sucesso no mundo”, explica Filipe Couto, diretor pedagógico do Colégio PH.

A previsão para o início das matrículas na nova escola é agosto de 2023. O projeto arquitetônico leva a assinatura do escritório A+ Arquitetura e Ateliê Urbano. Além de novas salas de aula e laboratórios, o ambiente contará com maker space, biblioteca e brinquedoteca. 

A tendência de abertura de mais e mais escolas de alto padrão no Rio é grande. “Diversas grandes empresas do país, especializadas em educação para os filhos de famílias abastadas têm buscado espaços na Zona Sul do Rio, que, por ser muito fragmentada e pré-construída, não dispõe de grandes espaços disponíveis para escolas com ampla infraestrutura, sem contar as restrições de trânsito, que costumam ser enormes; a CET Rio acaba negando muitos pedidos de licença” disse ao DIÁRIO o corretor Marcus Vinícius Ferreira, da Sergio Castro Imóveis, especializado na expansão de grandes redes e com grande experiência na busca de imóveis para o setor educacional.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Escola para 800 alunos será inaugurada no Jockey Club do Rio, na Gávea
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui