Estruturas e carroças são apreendidas no calçadão de Bangu

Na cobertura do calçadão havia um grande acúmulo de caixotes e cinco toneladas de detritos foram retirados pelos agentes da Comlurb

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação/Seop

Na manhã desta quinta-feira (27/04), a Secretaria de Ordem Pública (SEOP) e a Subprefeitura da Grande Bangu realizaram uma Operação de Ordenamento no calçadão de Bangu, Zona Oeste da cidade. Os agentes apreenderam muitas estruturas e carroças que estavam guardadas indevidamente na calçada, além de três trailers.

A operação também flagrou uma saída de água que era utilizada por moradores de rua para tomar banho e fazer a higiene pessoal, além de haver um desperdício dessa água. Na cobertura do calçadão havia um grande acúmulo de caixotes e cinco toneladas de detritos foram retirados pelos agentes da Comlurb.

O ordenamento no calçadão de Bangu é uma demanda que a SEOP vem recebendo e por isso nós temos feito várias operações de forma reiterada naquela região. Nós não vamos admitir a ocupação do espaço público, especialmente por estruturas e barracas que algumas pessoas estão deixando em via pública, e isso está prejudicando o deslocamento dos pedestres, coloca o espaço público em cheque e por isso nós estamos fazendo essas operações para combater essas irregularidades de uma forma inteligente, ocupando os espaços e assim a gente vai continuar trabalhando para levar a ordem pública para Bangu”, afirma o secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevale.

O subprefeito da Grande Bangu, Robson Gomes, completa: “quem passa pelo Calçadão de Bangu sabe da dificuldade que é andar ali. Recebemos reclamação diariamente e não podemos deixar que a desordem e a sujeira sejam normalizadas. As operações no local estão sendo constantes e vão continuar até entregarmos um calçadão organizado e limpo para a população“.

Advertisement

Leia também

Águas do Rio alega não saber sobre situação da Cedae mas presidente foi diretor da empresa – Bastidores do Rio

Antiga garagem da Silveira Martins é vendida por R$19,7 milhões a incorporadora

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Estruturas e carroças são apreendidas no calçadão de Bangu

Advertisement

3 COMENTÁRIOS

  1. Outro dia tentei passar por baixo da cobertura para fugir do sol, eu estava com meu filho de 1 ano, e tive que andar mais de 20 metros para conseguir entrar em baixo pq era uma banca encosta na outra, outras om manequins no caminho… um caos. Parabéns às autoridades.
    PS. Fico com pena dos camelôs, mas infelizmente eles abusam e nós que sofremos.

  2. -Essa atitude da prefeitura era pra ser tomada á mas tempo deixaram correr frouxo por muito tempo. agora fica difícil, não vai demorar muito pra que eles voltam com á zona!!

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui