Estudantes da UFRJ poderão fazer cursos gratuitos da multinacional chinesa Huawei

Objetivo da parceria é estimular e impulsionar as carreiras de futuros talentos no setor de Tecnologia de Informação e Comunicação

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Sede da Huawei (Foto: Tyrone Siu)

Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) está ingressando em uma parceria com a chinesa Huawei, gigante do setor de tecnologia que atende a mais de três bilhões de pessoas em todo o mundo. Os estudantes poderão aprimorar seus conhecimentos em computação em nuvem, inteligência artificial e 5G, entre outros, por meio de materiais didáticos (video aulas, slides e guias de laboratórios) e exames. Os cursos serão todos gratuitos e com certificação reconhecida pela indústria. A expectativa é que os alunos possam acessar os conteúdos a partir do segundo semestre.    

Em junho do ano passado, a empresa chinesa assinou um acordo com o Ministério da Educação (MEC) que prevê o desenvolvimento de talentos e soluções digitais educacionais, de forma gratuita, destinados à rede de educação federal, estadual, distrital e municipal. A Huawei disponibiliza na plataforma MECPlace duas soluções para que as instituições de ensino possam se associar: a ICT Academy e o StorySign.

Após a realização de todas as atividades, os estudantes obtêm os certificados de conclusão dos cursos, reconhecidos pela indústria. No Brasil, mais de 100 instituições de ensino fazem parte da ICT Academy.

Para o reitor da UFRJ, Roberto Medronho, é de grande importância envolver outras culturas no processo de aperfeiçoamento de professores, estudantes e técnicos-administrativos.

Advertisement

Devemos estar atentos à construção de oportunidades que atendam as necessidades das instituições e empresas de ensino superior com o objetivo de estimular e impulsionar as carreiras no setor de Tecnologia de Informação e Comunicação. E não apenas no cenário ocidental do Hemisfério Norte. Devemos nos aproximar dos países da Eurásia e dos que integram o Brics”, afirmou.

O ICT Academy é um programa global que abrange não só todo o processo e desenvolvimento de talentos, mas a capacitação de instrutores, configuração do ambiente de laboratório e certificação de talentos. De acordo com a superintendente da TIC, o diálogo com a Huawei foi bastante produtivo e promissor.

Apresentamos as limitações de nosso parque tecnológico atual e a necessidade de a UFRJ, como universidade de importância nacional e internacional e a mais antiga do Brasil, poder ofertar à sua comunidade o que tem de mais avançado na área de TIC”, concluiu.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Estudantes da UFRJ poderão fazer cursos gratuitos da multinacional chinesa Huawei
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui