Boa notícia para todo vascaíno que se preze, segundo nota do blog do Ancelmo, o juiz Renato Ricardo Barbosa, da 15ª Vara Cível do Rio, anulou a eleição do Vasco da Gama que reelegeu Eurico Miranda.

O clube terá que realizar nova assembléia-geral no prazo de 30 dias, após a sua notificação. Apenas os eleitores indicados na lista entregue à Justiça no dia 4 de outubro de 2006, e que estejam em dia com suas obrigações, poderão votar.

Para quem não lembra, foi a eleição em que até morto votou… Agora há chances do Dinamite presidir o Vasco.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui