Exposição virtual mostra os 60 anos do Cacique de Ramos no Carnaval do Rio

A mostra apresenta as origens da agremiação e a trajetória de transformações das suas diferentes identidades

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
O bloco em Ramos, quando não era multidão, ainda desfilava com o auxílio de cordas. Fundo Correio da Manhã. Arquivo Nacional

Cacique de Ramos, um dos blocos mais celebrados e tradicionais do Carnaval do Rio, está lançando uma exposição virtual que passeia pelas 60 anos de sua história.

Criado pelo Centro de Memória Domingos Félix do Nascimento, a mostra “Cacique de Ramos: seis décadas de carnaval” mostra ao público as diferentes identidades do bloco e clube social através de textos, fotografias e vídeos. Entre as imagens, é possível ver Beth Carvalhofrequentadora e incentivadora do bloco, participando de um dos desfiles.

O material utilizado na mostra integra o acervo preservado pelo próprio Centro de Memória, acrescido de alguns itens de instituições públicas. A exposição está dividida nas seguintes seções: Origens, Avenidas, Visuais, Sonoridades, Alas, Pandemia.

A seção dedicada às alas do Cacique de Ramos foi construída por meio de rodas de conversas com os integrantes dos grupos, que também ficaram responsáveis pela seleção dos documentos que ajudam a contar suas histórias. Dessa maneira, a iniciativa do Centro de Memória contemplou o envolvimento dos diferentes segmentos do Cacique: diretoria, alas, corte e bateria.

Advertisement

Leia também

Taxas de condomínio disparam no Rio; confira os bairros com os valores mais altos

Conheça seis motivos para investir em uma pós-graduação

Os recursos do edital permitiram também a aquisição de equipamentos e material de acondicionamento para o Centro de Memória, núcleo responsável pela preservação da memória institucional.

A exposição está disponível no link.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Exposição virtual mostra os 60 anos do Cacique de Ramos no Carnaval do Rio

Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. carnaval: indústria carioca que dá emprego a milhares de pessoas, direta e indiretamente, e movimenta rios de dinheiro na economia do estado. deveria ser tratado com mais carinho e deforma profissional. quando entenderemos isso?

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui