Fazenda de São Gonçalo pode ser transformada em Museu Histórico

Projeto do deputado Coronel Salema (PL) ainda precisa ser votado em segunda discussão pela Casa

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

A Fazenda Engenho Novo, localizada no bairro Monjolos, em São Gonçalo, poderá ser transformada em Museu Histórico Barão de São Gonçalo. É o que autoriza o Projeto de Lei 4.215/21, de autoria do deputado Coronel Salema (PL), que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou, nesta quinta-feira (08/09), em primeira discussão. O texto ainda precisa ser votado em segunda discussão pela Casa.

Segundo o texto, caberá à Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, em parceria com o Movimento Ocupa Fazenda do Engenho Novo, desenvolver o projeto do museu histórico. O texto prevê a restauração do casarão e das áreas da fazenda, preservando suas formas originais tombada pelo Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac) em 1998.

O museu histórico deverá contar com visitas guiadas, palestras sobre a história da fazenda, com produção textual. Além disso, o Executivo poderá capacitar a população local para atuar na instituição.

“Além da importância histórica, a fazenda também foi grande produtora de cana-de-açúcar, de laranja e uma das maiores produtoras de abacaxi do estado. A criação do museu, sem dúvida, transformará as ruínas em relíquias, histórias esquecidas em memórias vivas, lembranças da cultura passada em atividades culturais de grande diversidade e interesse com vistas a preservar a memória da fazenda que já foi o marco da economia de São Gonçalo”, justificou Salema.

Advertisement

Leia também

Águas do Rio alega não saber sobre situação da Cedae mas presidente foi diretor da empresa – Bastidores do Rio

Antiga garagem da Silveira Martins é vendida por R$19,7 milhões a incorporadora

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Fazenda de São Gonçalo pode ser transformada em Museu Histórico

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui