Feira na Fundição Progresso promete mudar hábito dos cariocas sobre consumo e descarte de eletrônicos

A Veg Borá, que realiza sua edição julina neste domingo, conta com a Circoola para conscientizar o público sobre o descarte correto de resíduos eletrônicos

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

Neste domingo (9/07), acontece na Fundição Progresso a Feira Veg Borá (https://www.instagram.com/vegbora/?hl=pt), que reúne diversas barracas com artes e culinária de pequenos produtores veganos. Desta vez, o evento contará também com arraiá, forró, comidas típicas de festa junina, campanha de adoção de pets e com a Circoola (https://www.circoola.com.br/), uma empresa carioca de coleta e reciclagem de resíduos eletroeletrônicos.

A iniciativa da parceria com a Circoola partiu da necessidade de conscientizar os cariocas sobre o descarte correto de lixo eletroeletrônico, em um ambiente que reúne pessoas que colocam a sustentabilidade como propósito do encontro.

Com o passar dos anos, a adoção de novas tecnologias pelas empresas e população, fez, também, com que mais itens eletrônicos fossem para o lixo, principalmente por sua curta vida útil. É o caso de mouses, teclados, celulares, carregadores e fones de ouvido, por exemplo.

Entretanto, o descarte desse material de maneira incorreta gera uma série de consequências para o meio ambiente, já que equipamentos eletrônicos contam com diversos materiais tóxicos em sua composição. Assim, poluem bacias hidrográficas e, consequentemente, o solo, rios, lagos e o mar, prejudicando diversos ecossistemas e, ao longo prazo, até a alimentação humana.

Advertisement

Leia também

Terminal Gentileza começa a operar para população; veja detalhes

Pedro Paulo cada vez mais certo como vice de Eduardo Paes – Bastidores do Rio

70 toneladas de resíduo eletrônico coletadas e recicladas em pouco mais de um ano
Atualmente, menos de 1% do lixo eletrônico de todo o Rio de Janeiro é reciclado. Mas a Circoola vem mudando esse cenário na cidade. Em pouco mais de um ano, a startup recolheu e reciclou mais de 70 toneladas de resíduos eletrônicos, através de 2.200 coletas e agendamentos.

Só em 2023, 44 toneladas de resíduos eletroeletrônicos como, pilhas, baterias, cabos e carregadores, celulares, tablets, computadores, eletrodomésticos, entre outros, foram reciclados pela Circoola. Vale lembrar que tudo o que precisa de pilha, bateria ou é conectado à tomada se torna um resíduo quando perde o uso ou quebra.

O serviço é oferecido na Capital, Região Metropolitana e Niterói de forma totalmente gratuita para pessoas físicas e empresas. Essa facilidade para descartar os resíduos eletroeletrônicos é um dos pontos que reforçam a expectativa de uma mudança de comportamento por parte dos cariocas. Com a Circoola, a solicitação do serviço é online. Basta reunir todo o lixo eletrônico que deve ser descartado, tirar uma foto do material e agendar a coleta no site. A retirada é feita diretamente na casa ou empresa do solicitante de forma 100% gratuita.

Participação da Circoola na Veg Borá
É exatamente esse tipo de material que a Circoola estará recebendo neste domingo, na Veg Borá edição “arraiá”, que será realizada na Fundição Progresso de 12h às 18h. Pela segunda vez apoiando a feira, o Diretor de Operações da Circoola, Lucas Palazzo, falou sobre o papel da empresa em eventos que abordam sustentabilidade.

“Iniciativas ligadas à sustentabilidade são muito importantes para a gente, porque reúnem pessoas preocupadas com o que consomem, comem, vestem e costumam ter hábitos mais sustentáveis. Porém, a questão do lixo eletrônico ainda acaba ficando um pouco esquecida por conta da falta de conhecimento. Então, elas acumulam esses resíduos em casa”, explicou Lucas Palazzo.

Esse acúmulo domiciliar é um dos fatores que a startup tem o objetivo de mudar nos próximos anos, considerando que 85% dos resíduos eletrônicos que existem no Brasil estão nas moradias, segundo dados da CETEM/UFRJ.

“85% dos resíduos eletrônicos que existem no Brasil ainda estão dentro da casa das pessoas, no quartinho, na gaveta, em cima do armário. Conhecendo a Circoola e sabendo o que a gente faz, elas nos ajudam a mudar esse cenário, passando a descartar seus resíduos corretamente em eventos como a Veg Borá ou tomando conhecimento e agendando a coleta domiciliar pela internet”, concluiu o Diretor de Operações da startup.

Com presença confirmada na Fundição Progresso neste domingo, a Circoola (https://www.circoola.com.br/) espera gerar mais conscientização sobre economia circular para os cariocas. As pessoas que tiverem eletrônicos para descartar podem levar para a Feira Veg Borá e tirar suas dúvidas em um local reservado para a ação até às 18h.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Feira na Fundição Progresso promete mudar hábito dos cariocas sobre consumo e descarte de eletrônicos

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui