Flordelis e outros 4 réus começam a ser julgados nesta segunda pelo Tribunal do Júri de Niterói

Ex-deputada federal é acusada de ser a mandante do assassinato de seu ex-marido, o pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019

Flordelis - Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Tem início, nesta segunda-feira (07/11), o julgamento da ex-deputada federal Flordelis e de outros quatro réus acusados de participação na morte do pastor Anderson do Carmo, ocorrido em junho de 2019. Ele era marido da ex-parlamentar e foi assassinado na porta da residência onde moravam, em Pendotiba, bairro de Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Além de Flordelis, serão julgados também sua filha biológica Simone dos Santos Rodrigues, a neta Rayane dos Santos Oliveira e os filhos afetivos André Luiz de Oliveira e Marzy Teixeira da Silva.

O julgamento acontece no Fórum de Niterói, no Tribunal do Júri da cidade, a partir das 9h. Devido à quantidade de pessoas envolvidas nas acusações, é provável que só termine na terça (08/11).

Flordelis é acusada de ser a mandante do assassinato e responderá pelos crimes de homicídio triplamente qualificado (motivo sórdido, aplicação de crueldade e sem possibilidade de defesa da vítima), tentativa de homicídio, utilização de documento falso e associação criminosa armada.

Já Simone dos Santos, André Luiz e Marzy Teixeira responderão por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio e associação criminosa armada; Rayane Oliveira, por sua vez, por homicídio triplamente qualificado e associação criminosa armada.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui