Fórum de Mulheres denuncia violência obstétrica em hospitais de Duque de Caxias

A elaboração dos relatórios ocorreu durante uma série de vistorias

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

Documentos com reivindicações em relação à violência obstétrica e a mortalidade materna e neonatal no Hospital Adão Pereira Nunes, em Santa Cruz, foram entregues à Prefeitura da cidade. A elaboração dos relatórios ocorreu durante uma série de vistorias feitas na unidade pela presidente da Frente de Combate à Violência Obstétrica e Mortalidade Materna, Mônica Francisco, e Ivanete Silva, Coordenadora do Fórum dos Direitos das Mulheres de Caxias.

Os registros foram entregues ao secretário Municipal de Saúde de Duque de Caxias, Daniel Puertas. A coordenadora Ivanete Silva afirmou que outros documentos já foram oferecidos e não houve retorno.

Chegamos aqui com a tarefa de fazer não um protocolo, mas entregar em mãos, já que é o 3º ofício. Os outros não foram respondidos”, afirmou.

Outra denúncia feita é a dificuldade na comunicação com a Secretaria de Saúde do município. “Presenciamos, inclusive, a falta de comunicação, até mesmo por telefone. Isso justifica a nossa presença, para que tivéssemos a palavra dele do conhecimento sobre os ofícios protocolados anteriormente”, relatou Ivanete Silva.

Advertisement

Leia também

Balão é ‘abatido’ antes de cair no Aeroporto do Galeão

Terminal Gentileza começa a operar para população; veja detalhes

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Fórum de Mulheres denuncia violência obstétrica em hospitais de Duque de Caxias

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui