Como não podia deixar de ser, estive hoje no Red Bull Air Race para acompanhar de perto este mega-evento. Primeiro fiz o que disse aqui, fui até a Cinelândia e deixei meu carro lá, o que foi uma idéia excelente, o trânsito em Botafogo estava péssimo. Faltou eu levar um guarda-sol e uma cadeira de praia, fez falta, além de um protetor solar, o que me causou uma bela marca de óculos em um rosto de pimentão.

O evento foi certamente um sucesso, enquanto os organizadores esperavam 300 mil pessoas, mais de um milhão estiveram no evento. Bastava reparar no metrô de Botafogo, enquanto muitos chegavam, muitos estavam indo embora também! Aumentando o fluxo, ao ponto de ser praticamente impossível entrar no Botafogo Praia Shopping.

E para quem diz que o Rio é violento, que aqui é o Iraque, e palhaçadas como esta, durante todo o evento não houve confusão, notícia de assaltos (pelo menos violentos) ou arrastão no engarrafamento. E parabéns, também, à Prefeitura do Rio, não se via ambulantes passando toda hora no meio da gente, e os que estavam lá eram uniformizados. O Rio nasceu para eventos deste porte, o que pode ser exemplificado com o Reveillon, Rolling Stones, e os futuros Live Earth em Copacabana e o Pan que será em toda a cidade.

Bem, quanto as fotos, tirei bastante, basta entrar no álbum que criei para o evento do Red Bull Air Race, e estarei atualizando conforme forem me enviando fotos (na qual estão nos créditos o nome dos autores). Se quiser enviar sua foto, email-me: rio@diariodorio.com.

Público no Travessão

SV500107

TroféuDetalhe da bela forma do troféu da corrida.

Update 23:30.
Recebi um vídeo Nelson Phelippe, com a volta da vitória no Red Bull Air Race, basta clicar para assistir.

O Marcelo Correa me mandou umas fotos também do evento de hoje, estão lá no álbum dele.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui