Furto de cabos cresce quase 20 vezes no Rio entre 2018 e 2022

A Light diz que já gastou quase R$ 1 milhão de reais este ano para recuperar a fiação elétrica. Cerca de 60 quilômetros de cabos foram roubados

Imagem ilustrativa de cabos de energia - CC0 Domínio público. Foto: Px Here

O roubo de cabos e fios de alta tensão aumentou quase 20 vezes entre 2018 e 2022 no Rio. O crime tem prejudicado até o fornecimento de energia em algumas áreas. O bairro mais afetado foi o Recreio dos Bandeirantes, seguido por São Cristóvão e Ramos. A informação foi divulgada pelo portal de notícia “g1”.

Um levantamento feito pela Light revela que o furto de cabos de energia vem crescendo. Em 2018 foram 18 ocorrências; em 2019 a empresa registrou 55 ocorrências; em 2020 foram 167; em 2021 a Light registrou 236 casos e neste ano, até agosto, 332 incidências.

A Light diz que já gastou quase R$ 1 milhão de reais este ano para recuperar a fiação elétrica. Cerca de 60 quilômetros de cabos foram roubados.

A Polícia Militar informou que vem atuando para impedir os furtos, mas enfrenta dificuldades com a lei. Segundo a PM, das 160 pessoas presas por furto no ano passado, 90% voltaram às ruas após as audiências de custódia na justiça.

Advertisement

3 COMENTÁRIOS

  1. Impunidade, “apenas” isso. Enquanto a marginalidade, principalmente o receptador, tiverem a certeza absoluta da impunidade, o resultado será esse: polícia prende, justiça solta. Coisas do Brézil.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui