Gabinete de Intervenção Federal no Rio é prorrogado por mais 6 meses

Decreto na edição desta sexta-feira (23/12) no Diário Oficial

Foto: Divulgação/PMERJ

O Gabinete de Intervenção Federal no Rio de Janeiro teve seu funcionamento prorrogado por mais seis meses, segundo decreto presidencial publicado na edição desta sexta-feira (23/12) do Diário Oficial da União.

A intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro foi decretada em 16 de fevereiro de 2018, pelo então presidente da República, Michel Temer, a pedido do governo fluminense, com prazo para durar até dezembro daquele ano.

Durante esse período, os órgãos de segurança pública estaduais ficaram subordinados ao Gabinete de Intervenção Federal. A justificativa para a intervenção foi o comprometimento da ordem pública no estado naquela ocasião.

Mesmo depois do fim da intervenção, encerrada em dezembro de 2018, o Gabinete foi mantido com parte dos cargos, com o objetivo de fazer entregas contratuais. Com a nova prorrogação, a estrutura, que deixaria de funcionar hoje (23), continuará existindo até 30 de junho de 2023.

O ato assinado pelo presidente Jair Bolsonaro prorroga o prazo para encerramento das atividades do Gabinete de Intervenção Federal no Estado do Rio de Janeiro, para que possam ser concluídas entregas contratuais. Com a medida, o governo espera viabilizar a conclusão dos trabalhos do gabinete”, informa nota divulgada pela Secretaria-Geral da Presidência da República.

Advertisement

8 COMENTÁRIOS

  1. Se as lei Brasileiras fossem 20% parecidas com as americanas-EUA, rígidas e implacáveis para dar exemplo a outros miliantes, muita gente tava na cadeia ainda, tipo, Cabral, Lolla-ladrão, Empreiteiros, Eike Batista, a quadrilha do PT, até juízes seriam masmorrados, então, imaginem se fossem 100% igual, só sairiam no caixão, como ñ são, é essa vergonhosa segurança e, políticos, juízes cagando e zombando da coisa pública. Esse país nunca teve democracia de fato e de direito, infelizmente é um povo q não tem instrumentos e armas pra se defender, é uma Putaria generalizada. É um mar de lama e podridão a justiça, a política, e a governança.

  2. Parece que aqui tem muito gado do ladrão….só falam besteiras…coisas que nunca provaram…tstst..ao contrário do Ladrão que foi solto e todos sabem o porquê….bebiloides.

  3. Em respeito à decisão do então Presidente Jair Bolsonaro. Gostaria apenas entender o motivo da permanência do gabinete mencionado e a legítima funcionalidade da ação.

  4. 1 Bilhão e 200 mil foi a MP emitida pelo governo para a intervenção no RJ. Cadê o ? ? que estava lá com o interventor,Que não gerenciou nada.Só serviu de ponte para o futuro do Bolsanaro.

  5. 1 Bilhão e 200 mil foi a MP emitida pelo governo para a intervenção no RJ. Cadê o ? ? que estava lá com o interventor,Que não gerenciou nada.Só serviu de ponte para o futuro do Bolsanaro.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui