Gasolina e etanol ficam mais caros no RJ na primeira quinzena de novembro; confira valores

Dados da Ticket Logo apontam aumento dos preços na região sudeste de uma forma geral

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imagem Meramente Ilustrativa - Foto: Reprodução/Internet

O último levantamento do Índice de Preços Ticket Log (IPTL) apontou que a Região Sudeste fechou a primeira quinzena de novembro com o preço do litro da gasolina a R$ 5,09, valor 0,77% mais caro se comparado a outubro. Já o etanol fechou o período a R$ 4,15 com 4,14% de aumento. O diesel comum e o -S-10 foram comercializados a R$ 6,67 e R$ 6,81, com redução de 0,18% e aumento de 0,03%, respectivamente. Os combustíveis também encerraram o período com o preço abaixo das médias nacionais, registradas a R$ 5,30 para a gasolina; R$ 4,25 o etanol; R$ 7,03 o diesel comum; e R$ 7,12 o diesel S-10.  

Mesmo com alta de 1,34%, em relação a outubro, São Paulo foi o Estado que apresentou o menor preço do País para a gasolina, comercializada a R$ 5,00, valor 6% abaixo da média nacional. Quando comparado ao etanol, a gasolina se apresentou como o combustível mais vantajoso para abastecimento em todos os Estados do Sudeste. Por ser um combustível produzido a partir da cana-de-açúcar ou milho, o etanol é capaz de reduzir consideravelmente as emissões de gases responsáveis pelas mudanças climáticas. Ainda que a gasolina apresente a combinação custo e benefício por quilômetro rodado, o etanol é o combustível ecologicamente mais viável para abastecimento”, destaca Douglas Pina, Diretor-Geral de Mainstream de Frota e Mobilidade da Edenred Brasil.

O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantado com base nos abastecimentos realizados nos 21 mil postos credenciados da Ticket Log, que tem grande confiabilidade, por causa da quantidade de veículos administrados pela marca: 1 milhão ao todo, com uma média de oito transações por segundo. A Ticket Log, marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil, conta com mais de 30 anos de experiência e se adapta às necessidades dos clientes, oferecendo soluções modernas e inovadoras, a fim de simplificar os processos diários.

Confira tabelas com as médias de cada Estado da Região Sudeste: 

apdxJHEOPA8MtGLsjvNzMO3XeJ1YlgXvbxyKXR0apxCRev7JAhKD YljAVmguMD0j7hLOvpl82iniIkLb0eISh0gHujTkUrKoOdXdGNxoc5w0EGtTYQoND88M2UngcEOnLKysGcWGhHAIQlnk W0W2URkc9xZ Gasolina e etanol ficam mais caros no RJ na primeira quinzena de novembro; confira valores
CpgjN9 nKHlU63JPCmdJH4T7fFV3Dn9I0lrlhp2VK85OMPsWfPY3VNnX3Evet9NIqsfG9vneV3rSP66w7r01NVa08MhixImehddhwOot9VH mWEpM5aqO79PRTjb7dyMwPjWIo4SplpONKfsvVCXKwfSWXxg7QZCtKFYWqhvIa8IbKYtJ4Az7 5Jn7YBRTWk7MXfdkY9mA Gasolina e etanol ficam mais caros no RJ na primeira quinzena de novembro; confira valores

Variações e correlação gasolina x etanol

I4x7MKoJbTL99E7fNsYF6uuE430NkNj07Rqad TLkbCrcSo4Onovz7DcRRUC9vkhGAvJYUDK1Qtm6kTG2NfALQS6 atye 8CWAGz T Om67P1o083utMHZf10ZlO6VkjUllh vd AkVpI5gycZ5 JAe0nynU3dhgfFEDJnYI MoRNyPSMSDveXyVy rV83zu1LnQtXaO2g Gasolina e etanol ficam mais caros no RJ na primeira quinzena de novembro; confira valores
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Gasolina e etanol ficam mais caros no RJ na primeira quinzena de novembro; confira valores

Advertisement

Leia também

Águas do Rio alega não saber sobre situação da Cedae mas presidente foi diretor da empresa – Bastidores do Rio

Antiga garagem da Silveira Martins é vendida por R$19,7 milhões a incorporadora

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui