Governo do RJ anuncia a criação de uma segunda escola indígena no Sul Fluminense

A notícia atende a uma demanda antiga e tem como foco a educação de jovens indígenas da aldeia de Paraty-Mirim e áreas adjacentes

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Rogério Santana/Governo do Estado do Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro passa a contar com mais uma escola indígena. O Governador do Estado, Cláudio Castro, autorizou a criação da Escola Indígena Estadual Guarani Tava Mirim, em Paraty, na Região da Costa Verde. Ela oferecerá Ensino Fundamental, nas modalidades I e II, para 75 alunos. A decisão foi publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (10/08).

Essa escola funcionava como uma extensão da primeira unidade do mesmo segmento, o Colégio Indígena Estadual Guarani Karai Kuery Renda, em Angra dos Reis, também no Sul Fluminense. E além disso, a unidade gerenciava mais duas extensões, a Nhembo-e Renda, na aldeia de Rio Pequeno, e Karai Oca, na aldeia de Araponga. Todas essas unidades, em Paraty, agora estão associadas à nova unidade de Tava Mirim.

A conquista é especialmente marcante pois coincide com o Dia Internacional dos Povos Indígenas, celebrado na última quarta-feira (10/08). E representa um passo significativo em direção à valorização das tradições dos povos originários.

A abertura dessa escola atende a uma antiga demanda da comunidade e simboliza um avanço notável na promoção das tradições culturais indígenas e na busca por uma educação enriquecedora e inclusiva.

Advertisement

“A Escola Indígena Estadual Guarani Tava Mirim reforça o compromisso com a diversidade cultural que caracteriza nossa região. E também reconhece a importância de proporcionar um ambiente educacional inclusivo e culturalmente relevante para nossos jovens indígenas” afirma a Secretária de Estado de Educação, Roberta Barreto.

A criação é fruto do diálogo entre o Governo Estadual e os líderes indígenas. A parceria demonstra um compromisso com a educação em todo território fluminense, além de promover o respeito e a preservação das tradições culturais, abrindo caminho para o aprendizado e a valorização das tradições indígenas.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Governo do RJ anuncia a criação de uma segunda escola indígena no Sul Fluminense
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui