Governo do RJ homologa Flamengo e Fluminense como gestores do Maracanã pelos próximos 20 anos

Assinatura do contrato só deve ocorrer na próxima semana

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Vista aérea do Maracanã - Foto: Marcos de Paula/Prefeitura do Rio

O Governo do Estado publicou nesta terça-feira (04/06), no Diário Oficial, a homologação do resultado do processo de concessão do Complexo Maracanã. O Consórcio Fla/Flu, composto por Flamengo e Fluminense, foi o vencedor do certame e será responsável pela gestão, operação e manutenção do equipamento esportivo – que engloba o Maracanã e Maracanãzinho – pelos próximos 20 anos. O grupo obteve a melhor proposta técnico-financeira e alcançou a nota final de 120,2 pontos, ofertando uma outorga anual no valor de R$ 20.060.874,12.

“Encerramos a licitação com a certeza de que realizamos um processo transparente e muito eficaz para o desenvolvimento do esporte e da cultura do Rio de Janeiro. O vencedor deverá administrar e investir no complexo esportivo, e o Governo do Estado vai acompanhar de perto essa gestão”, declarou o governador Cláudio Castro.

Com a finalização da licitação, o Governo do Estado inicia um processo de transição e vai preparar a assinatura do contrato, para a entrega oficial do equipamento ao novo concessionário.

Advertisement

“Agora, iniciamos um período de transição e adaptação ao cumprimento das regras previstas no edital. Nossa equipe técnica vai preparar a documentação e orientar o novo concessionário nesse processo. Seguimos todas as etapas e buscamos garantir o desenvolvimento econômico deste importante equipamento esportivo do país”, disse o secretário de Estado da Casa Civil, Nicola Miccione.

O processo de concessão contou também com a participação do Consórcio Maracanã para Todos, formado pelo Vasco da Gama e pela WTorre Entretenimento e Participações Ltda, e a empresa RNGD Consultoria de Negócios Ltda. O resultado final, com as respectivas classificações e todas as informações sobre o certame ficarão disponíveis no site www.concessaomaracana.rj.gov.br .

Processo de concessão

A concorrência foi preparada com base no critério técnica e preço. O contrato, gerido pela Secretaria de Estado da Casa Civil, inclui a gestão do Estádio Maracanã e o Maracanãzinho. A secretaria será responsável pela fiscalização da execução dos serviços previstos. O edital prevê que, até o fim da concessão, o vencedor faça investimentos de cerca de R$ 186 milhões.

Para o Maracanã, estão previstas obras de recuperação dos sistemas de água, escadas rolantes, elevadores, ar-condicionado e exaustão, modernização e adequação dos sistemas eletrônicos e revitalização do Museu do Futebol, entre outras intervenções. Já para o Maracanãzinho serão realizados reparos da cobertura do ginásio, além da implementação de novo sistema audiovisual e acústico, requalificação das áreas de hospitalidade, iluminação e acessibilida

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Governo do RJ homologa Flamengo e Fluminense como gestores do Maracanã pelos próximos 20 anos
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui