Guia das 6 feiras diferentonas para curtir o final de semana no Rio

Segundo dados da prefeitura, o município tem cerca de 160 feiras livres, por isso que o DIÁRIO DO RIO selecionou as melhores feiras da cidade para você aproveitar o sábado e o domingo

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Reprodução

A Feira e o carioca formam uma dupla imbatível, especialmente quando acompanhados por um pastelzinho e um refrescante caldo de cana. Mas as feiras do Rio vão além das simples barracas de frutas e legumes, transformando-se em verdadeiros centros de compras e entretenimento, que vão da Zona Norte à Zona Sul. Com a presença de música ao vivo, como samba e chorinho, opções gastronômicas e até mesmo estandes de moda, as feiras cariocas se tornaram pontos de sociabilidade, onde famílias se encontram e a tradição popular é celebrada.

Segundo dados da prefeitura, o município tem cerca de 160 feiras livres e o bairro campeão é a Tijuca, com um total de seis. Se somarmos a Grande Tijuca, que conta ainda com outras no Grajaú, Maracanã, Vila Isabel, Andaraí e Praça da Bandeira, são 16 encontros de feirantes. É por isso que o DIÁRIO DO RIO selecionou as melhores feiras da cidade para você aproveitar neste final de semana.

Feira da Glória

feira da gloria Foto Jorge Eduardo Guia das 6 feiras diferentonas para curtir o final de semana no Rio

A Feira da Glória, realizada todos os domingos das 7h às 15h, é um verdadeiro ícone cultural no Rio. É uma das feiras mais conhecidas da cidade, e agora, virou até ponto turístico. Localizada no bairro histórico da Glória, com acesso fácil ao metrô, oferece uma variedade de produtos frescos, artesanato local, quitutes típicos e opções gastronômicas diversas. Além das compras, os visitantes podem curtir um samba e rodas de chorinho, além de apreciar obras de arte expostas nas barracas. A feira é uma tradição da cidade e tem seu início ainda incerto, mas alguns moradores mais antigos relatam que ela vem acontecendo desde o século passado, quando era muito comum a presença de feiras livres em vários pontos diferentes da cidade. Porém, foi somente na década de 80 que a Feira da Glória ganhou mais força e passou a atrair, além de pessoas da região, visitantes de todas as partes do Rio de Janeiro. 

Advertisement

Feira da General Glicério

Feira General Glicerio 1024x683 2 Guia das 6 feiras diferentonas para curtir o final de semana no Rio

Realizada todos os sábados, na charmosa Rua General Glicério, em Laranjeiras, a feira tornou-se um ponto de parada obrigatório para os cariocas em busca de cultura e lazer. A partir do meio dia, o local é animado por rodas de choro, onde talentosos músicos se reúnem para tocar grandes sucessos. Além da música, a feira oferece artesanato, CDs originais e uma variedade de caipirinhas e caipivodkas criativas, enquanto um ambulante oferece deliciosos bolinhos de bacalhau. A feira tem a cara do bairro. Não à toa, Laranjeira é escolhida pelo seu clima familiar e simpático que se estende pela área, compartilhada por barracas de verduras, frutas e queijos. A presença de restaurantes, bares e minimercados completa a experiência, transformando a feirinha em um verdadeiro ponto de encontro da Zona Sul.


Feira Rio Antigo

pinterest ceu do dia1 Guia das 6 feiras diferentonas para curtir o final de semana no Rio

Todos os sábados a Rua do Lavradio, no Centro do Rio, recebe a Feira do Rio Antigo, ou popularmente chamada de Feira do Lavradio. A rua centenária, que abriga casarões históricos, bares, antiquários e casas de shows, oferece uma programação descontraída para quem quer conhecer a história da cidade e se divertir sem gastar nada. O evento é gratuito. Centenas de barracas oferecem produtos diversos, de móveis a roupas, e acessórios a objetos de decoração. Sair de lá de mãos vazias é quase impossível. A Feira do Rio Antigo reúne cerca de 300 expositores e conta com um público cativo de 15 mil visitantes a cada edição, ajudando a fomentar o cenário econômico da região e revitalizando o ambiente do centro histórico do Rio.


Feira da Praça XV

1 ekj7rPyUHBpKZ4Dqyg9GNg Guia das 6 feiras diferentonas para curtir o final de semana no Rio

Aos sábados, das 6h às 15h, a Praça XV, no Centro do Rio, se transforma em um verdadeiro paraíso para os amantes de antiguidades. Considerada a maior feira de antiguidades da América Latina, encanta os cariocas com uma variedade única de itens históricos, que vão desde objetos de época e fotografias antigas até vinis, gibis, brinquedos e outras raridades. Iniciada em 1976 como um simples evento de troca de objetos, a feira cresceu e agora ocupa um lugar de destaque próximo ao Paço Imperial. Ao explorar as barracas, os visitantes mergulham em um mercado de rua descontraído e simpático, repleto de achados que contam a história de várias gerações do Rio.


Feira Hippie de Ipanema

feira hippie de ipanema 14042022 091930 Guia das 6 feiras diferentonas para curtir o final de semana no Rio

Visita imperdível para quem explora a Zona Sul do Rio, a Feira Hippie, ou Feirarte de Ipanema, é um marco cultural com mais de 600 expositores. Funcionando todos os domingos das 7h às 19h desde 1968, essa feira surgiu da iniciativa de artistas plásticos na Praça General Osório, no final dos anos 60, como forma de pagar suas contas nos bares locais. Embora sua estrutura tenha evoluído desde então, o espírito da contracultura e do “paz e amor” continua vibrante. Localizada em Ipanema, é acessível por ônibus e metrô. Tamanha é sua importância que foi tombada como Patrimônio Imaterial da Cidade do Rio de Janeiro.


Feira da São Salvador

roda de samba sao salvador sabados 28062021 063645 Guia das 6 feiras diferentonas para curtir o final de semana no Rio


Todos os domingos, das 9h às 18h, a Praça São Salvador, em Laranjeiras, é palco de uma das feiras de artesanato mais tradicionais da cidade. Além das clássicas barracas de frutas e legumes, os visitantes encontram uma variedade encantadora de produtos artesanais e vestuário. E como não poderia faltar, o som de uma roda de choro embala o ambiente, trazendo ainda mais charme à feira. Frequentada principalmente pelos moradores de Laranjeiras e do Flamengo, a praça tem um clima familiar e acolhedor. Enquanto os adultos exploram as diversas opções de compras e aproveitam os bares e restaurantes ao redor, as crianças se divertem nos brinquedos disponíveis na área.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Guia das 6 feiras diferentonas para curtir o final de semana no Rio
Advertisement

2 COMENTÁRIOS

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui