Homens solteiros do Rio ocupam a 2ª posição em gastos com aplicativos de relacionamento, segundo pesquisa

Entre janeiro e outubro deste ano em relação ao mesmo período de 2022, houve aumento de 13% nos pagamentos efetuados, com ticket médio de R? 32,58

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imagem meramente ilustrativa

Os homens solteiros do Rio de Janeiro ocupam a segunda posição em gastos com aplicativos de relacionamento, segundo uma pesquisa realizada pelo Itaú Unibanco, em 2023. De acordo com o levantamento, os homens representam 78% das transações realizadas.

Para a análise, o Itaú Unibanco tomou como base os gastos nos cartões de crédito realizados com este tipo de serviço. No período analisado entre janeiro e outubro deste ano em relação ao mesmo período de 2022, houve aumento de 13% nos pagamentos efetuados, com ticket médio de R? 32,58.

As unidades da federação onde os consumidores mais realizam transações nos apps de relacionamento são São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul, nesta ordem. Ainda segundo o levantamento, os meses de janeiro e fevereiro de 2023 registraram a maior alta no consumo no comparativo ao mesmo período do ano passado, representando uma alta de 23% e 22%, respectivamente.

Na análise por faixa salarial, os homens com renda entre 2 e 4 salários por mês dominam as transações, somando 28% da mostra avaliada. Já os que ganham entre 1 e 2 salários – com predominância de jovens – e os que recebem entre 4 e 8 salários aparecem em seguida, com 23% cada.

Advertisement

“O levantamento nos mostra que o uso das versões pagas desses aplicativos está mais concentrado na geração Y, que em 2023 foi responsável por 47% das transações. A geração X vem em seguida, com 30%, e os mais velhos (babyboomers) e mais jovens (geração Z) praticamente empatam, com 12% e 11%, respectivamente”, explicou o diretor do Itaú Unibanco, Moisés Nascimento.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Homens solteiros do Rio ocupam a 2ª posição em gastos com aplicativos de relacionamento, segundo pesquisa
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui