Hospital Getúlio Vargas fica quase uma hora no gerador devido à impacto causado por pipa na rede elétrica

A unidade é uma das principais emergências de saúde do estado do Rio de Janeiro

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

Um problema na rede elétrica causado por uma pipa deixou Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, Zona Norte do Rio de Janeiro, no gerador por cerca de uma hora na tarde desta quarta-feira (06/12). A unidade é uma das principais emergências de saúde do estado e conta com dupla alimentação.

O hospital tem dois circuitos para receber a energia elétrica da Light, o principal, que foi afetado pela ocorrência, e o segundo que estava íntegro. Mas por uma questão de preferência do cliente, houve acionamento do gerador por cerca de uma hora, tempo que levamos para subir no poste, retirar a pipa e refazer a rede”, explicou o coordenador de engenharia da Light, Ronaldo Almeida.

É um serviço complexo, mas que conseguimos solucionar no menor tempo possível”, completou.

O levantamento mais recente da Light aponta que de janeiro a novembro de 2023, foram registradas 809 ocorrências envolvendo pipas em contato com a rede de energia da distribuidora, prejudicando o fornecimento para mais de 171 mil clientes. A maioria dos casos foram registrados nos municípios de Nova Iguaçu e São João de Meriti.

Advertisement

Os números de 2022 também surpreendem. A companhia registrou 969 ocorrências de pipas sobre a rede elétrica, que ocasionaram a interrupção no fornecimento de energia para mais de 145 mil consumidores. Os incidentes se concentraram principalmente em Duque de Caxias, Penha, Nova Iguaçu, Santa Cruz e Belford Roxo.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Hospital Getúlio Vargas fica quase uma hora no gerador devido à impacto causado por pipa na rede elétrica
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui