Idosos atendidos pelo CRAS da Prefeitura do Rio visitam o Real Gabinete Português de Leitura

Esta iniciativa faz parte do programa "Favela com Dignidade" que já realizou 112 visitas guiadas, acompanhadas por guias de turismo para pontos históricos e culturais do Rio

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

A Prefeitura do Rio, através da Secretaria de Ação Comunitária, proporcionou, na última sexta-feira (27/10), um dia memorável a 36 idosos que frequentam o Centro de Referência e Assistência Social (CRAS) Mary Richmond, situado em Lins de Vasconcelos, na Zona Norte do Rio. Nessa jornada cultural, eles tiveram a oportunidade de visitar o Real Gabinete Português de Leitura, no Centro do Rio, o local é famoso por sua biblioteca, considerada uma das mais belas do mundo, que abriga um acervo de 350 mil livros, incluindo raridades, manuscritos e periódicos digitalizados.

O prédio, um representante único do estilo neomanuelino na cidade, impressiona tanto por fora quanto por dentro. O espaço, construído em 1837 por um grupo de imigrantes portugueses, com o intuito de fortalecer os laços culturais entre Portugal e o Brasil, abriu suas portas ao público em 1900. E atualmente, é detentor da maior e mais valiosa coleção de obras portuguesas fora de Portugal, com um acervo inteiramente informatizado.

Uma das joias mais raras da biblioteca é uma primeira edição de “Os Lusíadas” datada de 1572, que pertenceu à Companhia de Jesus. E além dos livros, a biblioteca é adornada com outras obras de arte, incluindo uma maquete do monumento a Pedro Álvares Cabral, doada pelo autor, Mestre Rodolpho Bernardelli.

A dona Alda Lúcia, uma das participantes do programa, expressou sua surpresa: “Trabalhei muitos anos no Centro do Rio e sempre passava por aqui. Mas nunca entrei porque não sabia o que funcionava no local. Hoje tive a oportunidade de explorar essa maravilha e estou encantada” comentou.

Advertisement

Logo após a visita ao Real Gabinete Português de Leitura, o grupo seguiu para a Catedral Metropolitana de São Sebastião do Rio de Janeiro, também situada no Centro do Rio. A iniciativa “Turistando com a Comunidade” tem como propósito garantir que moradores de favelas e comunidades tenham a oportunidade de conhecer locais que representam a história, a arte e a cultura da cidade, promovendo dignidade, inclusão social e o direito de explorar a cidade.

Lançado em 2021, o projeto faz parte do programa “Favela com Dignidade” e já beneficiou 2.732 moradores de 54 comunidades com baixos índices de Desenvolvimento Social (IDS). Desde o seu início, foram realizadas 112 visitas guiadas, acompanhadas por guias de turismo, monitores e supervisores, a pontos históricos e culturais do Rio de Janeiro.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Idosos atendidos pelo CRAS da Prefeitura do Rio visitam o Real Gabinete Português de Leitura
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui