Igreja histórica na rua do Ouvidor é interditada pela Defesa Civil

A Igreja de Nossa Senhora da Lapa dos Mercadores, é uma pérola da arquitetura oitocentista carioca e tem uma história muito rica. O imóvel pertence a uma irmandade católica em dificuldades financeiras e é tombado pelo IPHAN.

A Igreja de Nossa Senhora da Lapa dos Mercadores foi construída em 1747, e já resistiu até mesmo às balas de canhão da Revolta da Armada, em 1893.

A linda Igreja de Nossa Senhora da Lapa dos Mercadores, na esquina da rua do Ouvidor com a Travessa do Comércio (aquela ruazinha com acesso via o Arco do Teles) agoniza. Pertencente a uma Irmandade criada por comerciantes católicos outrora prósperos, a Igreja que resistiu às balas de canhão da revolta da armada (1893) sofre há anos com o abandono e com a destruição.

A hoje depauperada Igreja de Nossa Senhora da Lapa dos Mercadores – Foto: Wikipedia

Construída em 1747, o templo religioso não pertence à Igreja Católica, embora seja um templo católico, e sim ainda à velha Irmandade da qual é homônima. Com o fechamento de praticamente todo o comércio da região, o belo templo foi se esvaziando e agora foi interditado pela defesa civil, tendo sido circundado com a famosa fita amarela de interdição pelas autoridades.

O templo remonta a um pequeno oratório erguido em 1743 por comerciantes e moradores da área, na esquina de uma casa no trecho em frente à rua da Cruz (atrás da atual Igreja de Santa Cruz dos Militares), sob a invocação de Nossa Senhora da Lapa dos Mercadores. Poucos anos mais tarde esses comerciantes reuniram-se e constituíram uma irmandade para a edificação de um templo sob a invocação de Nossa Senhora da Lapa, também conhecida por “Igreja dos Mercadores”.

Recentemente a Arquidiocese Católica do Rio de Janeiro iniciou um movimento para recuperar Igrejas que pertencem a irmandades católicas que estejam em dificuldades financeiras. Se encontram já em processo de restauro e reforma as Igrejas de São Pedro (Encantado) e de Nosso Senhor do Bonfim (São Cristóvão). Vamos torcer para que isso ocorra com a bela Igreja dos Mercadores, que em 1997 recebeu recursos do BNDES para a última grande reforma por ela sofrida. O imóvel é tombado pelo IPHAN Federal.

2 COMENTÁRIOS

  1. A igreja e os orgãos vinculados sóvai revitalizar essas igrejas depois que elas forem saqueadas, igual a do Senhor do Bonfim e São Cristóvão, o governo, a prefeitura e os órgão estão nem aí para preservação do patrimônio e bem estar da população, hoje tenho 60 anos e um prédio na esquina da rua viconde do rio branco com campo de Santana está lá caindo aos pedaços desde a minha infância.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui