Incêndio florestal no Canadá alcança acampamento dos bombeiros do Rio

Militares cariocas foram designados para ajudar o país norte-americano que tem sofrido com a força devastadora do fogo nas últimas semanas

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Fogo atingiu onde bombeiros do Rio estavam acampados no Canadá - Foto: Subtenente Elcio Gouvêa de Sousa/CBMERJ

Depois de serem enviados ao Canadá para ajudar na missão humanitária brasileira no combate aos incêndios florestais, agentes do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro tiveram seu acampamento alcançado pelas chamas e precisaram deixar o local às pressas.

No total, 104 militares foram empenhados para atuar nas áreas mais afetadas do país norte-americano, nos estados de Alberta, British Columbia, Quebec e Saskatchewan. Esta já é considerada a pior temporada de incêndios florestais da história do país.

– O incêndio chegou ao nosso acampamento e tivemos que sair às pressas. As coisas estão muito complicadas. Agora eu sei como é um verdadeiro incêndio florestal de copa, é assustador a velocidade e poder calorífico das chamas. O dia virou noite, nunca vi nada como isso, o local onde estávamos acampados acabou — afirmou o subtenente Elcio Gouvêa de Sousa.

A delegação de especialistas do Brasil, coordenada pela Agência Brasileira de Cooperação do Ministério das Relações Exteriores, embarcou em 21 de julho, e está prevista para retornar ao Brasil no dia 24 de agosto.

Advertisement

Leia também

RJ continua com previsão de chuva nesta quinta-feira

Águas do Rio alega não saber sobre situação da Cedae mas presidente foi diretor da empresa – Bastidores do Rio

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Incêndio florestal no Canadá alcança acampamento dos bombeiros do Rio

Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. O Canadá como um dos mais ricos países no mundo possui condições até de contratar terceiros para reforço para suas equipes.
    Curioso o envio de militares brasileiros para atuarem em incêndio florestal desse país. Quando ocorrem incêndios aqui, vemos atuações morosas, ausência de emprego de helicópteros ou aviões despejando água, e que resultam em danos catastróficos nas matas – e mobilização para envio às queimadas no Amazonas nenhuma foi vista.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui