Incêndio na Cidade do Samba

Incêndio da Cidade do Samba Custodio Coimbra Globo OnlineHoje os cariocas acordaram com uma notícia triste, o incêndio da Cidade do Samba que consumiu os barracões da Portela, Grande Rio e União da Ilha, além do da LIESA. Faltando menos de um mês para seus desfiles (dias 6 e 7 de Março), as escolas perderam mais de 90% de suas fantasias e alegorias, tornando quase que se recuperem totalmente em prazo tão curto.

 

As 3 escolas que tiveram seu carnaval prejudicado tinha ensaios técnicos marcado para as próximas semanas. Espero que elas mostrem garra e ainda façam o e, não só pelo Rio  mas por cada pessoa de sua comunidade que trabalham durante o ano todo.

 

Espero, também, que a LIESA converse com as outras agremiações e dê a estas 3 escolas passe livre este ano. Que desfilem, sim, mas que sejam julgadas e não corram o risco de cair ano que vem.

 

O que me parece estranho é o fogo ter atingido tão rápido 4 barracões diferentes. Ok, no mesmo bloco, mas ainda assim é de estranhar. Além de o sistema de combate a incêndio não ter funcionado (ou estaria sem manutenção?). A Cidade do Samba foi construída exatamente pensando na prevenção. Veja:

(Riourbe)  O sistema de reaproveitamento de águas de chuva, outra novidade do projeto, é composto por dois reservatórios com capacidade para 300 mil litros cada e fornece água para limpeza interna e externa e para o sistema de combate a incêndio, outra grande preocupação na concepção do projeto. O sistema de combate a incêndio também inclui mais de 7 mil sprinklers distribuídos em todos os barracões. Os perfis metálicos das  estruturas dos prédios possuem uma proteção especial anti-fogo, garantindo ainda mais segurança na confecção dos materiais.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui