Leci Brandão e Xande de Pilares apoiam candidatura de Leonardo Giordano a deputado estadual: ‘Alerj precisa de um gestor cultural’

Ex-secretário das Culturas de Niterói, Giordano é filiado ao PCdoB e tenta ingressar à Assembleia Legislativa do Estado

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Leonardo Giordano - Foto: Reprodução

Ex-secretário das Culturas de Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, Leonardo Giordano ganhou um apoio ilustre em sua candidatura à Assembleia Legislativa fluminense (Alerj) pelo PCdoB. Trata-se de Leci Brandão, um dos maiores nomes da história do samba e que também atua como deputada estadual em São Paulo pelo mesmo partido.

Segundo ela, ”há necessidade de um gestor cultural na Alerj, com coragem e afeto para mudar o RJ”, e o nome ideal seria Leonardo, que tem movimentado amplos apoios do referido setor após sua passagem no Poder Executivo niteroiense, onde executou uma gestão reconhecida internacionalmente pelas boas práticas de políticas culturais.

Além disso, Giordano apresenta propostas relevantes para a cultura do RJ, como a implementação da Lei Aldir Blanc Estadual e a ocupação de espaços ociosos por coletivos e grupos artísticos. Em vídeo publicado nas redes sociais, Leci destaca a trajetória de Leonardo Giordano, e a importância de ter um gestor cultural na Assembleia Legislativa.

”Vereador por cinco mandatos, presidente da Comissão de Cultura e ex-secretário das Culturas de Niterói. Em sua gestão, gerou oportunidades de trabalho na área cultural da cidade. Cultura é direito, trabalho e renda. Precisamos de um gestor cultural na Alerj. Precisamos de um gestor cultural com coragem e afeto para mudar o Rio de Janeiro”, diz.

Advertisement

Outro artista que se posicionou a favor de Giordano foi o cantor e compositor Xande de Pilares, que, de forma irreverente, dedicou uma mensagem de apoio nas redes sociais. ”Ele é de verdade, não é de lero-lero”, afirmou o músico, ex-vocalista do Grupo Revelação.

Já o ator e instrumentista carioca Bida Nascimento, filho do ativista, ator, poeta, militante antirracista Abdias Nascimento, também ressaltou a necessidade de eleger parlamentares comprometidos com a pauta da cultura.

”É bom termos parlamentares pensando em cultura. É bom que o pessoal da cultura pense nos nossos parlamentares. Assim, as duas coisas se juntam e as boas políticas culturais podem ser implementadas e cumpridas. Temos que acreditar nos nossos parlamentares, que militam pela cultura. Eu acredito no Leonardo Giordano por isso, pelo compromisso dele com a cultura”, disse.

Já a secretária de Cultura de Petrópolis, Diana Iliescu, destacou o vínculo orgânico de Giordano com o setor. ”É muito importante a gente ter uma pessoa que seja da cultura diretamente, que tenha sido gestor, que entenda os desafios das políticas públicas, da necessidade dos investimentos, que entenda da gestão e da legislação própria relativa à questão cultural. Acho que, para todos os agentes culturais do estado, é muito importante a gente ter isso”, opinou, antes de complementar:

”O Léo é a primeira pessoa que está falando na Lei Aldir Blanc Estadual, que é uma política nova, que pode fortalecer muito. A gente sabe que o estado do Rio de Janeiro tem uma centralização muito grande da capital. Então, para quem está no interior, é fundamental ter esse olhar mais cuidadoso e esse conceito de descentralização, fazer com que o recurso chegue na ponta, com que o fomento de fato seja efetivo e igualitário para todos. Acho que a grande luta é essa, e a gente tem muita expectativa em relação ao Léo Giordano. Ele vai ser muito importante para todos nós da cultura”, concluiu.

Por fim, o fotógrafo Bruno Bou Haya também apontou a convergência das propostas de Giordano para o segmento em que atua.

”Eu apresentei para o Leonardo a importância de olhar com cuidado a realidade de um fotógrafo emergente, que tem seu trabalho autoral e que não encontra espaço e fomento. A gente entende que é possível mudar essa realidade na Lei Aldir Blanc Estadual. Fico muito feliz de ter encontrado nele uma atenção, um entendimento dessa demanda, porque, muitas vezes, as pessoas não entendem essa necessidade. O Giordano entendeu e assumiu esse compromisso”, afirmou.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Leci Brandão e Xande de Pilares apoiam candidatura de Leonardo Giordano a deputado estadual: 'Alerj precisa de um gestor cultural'
Advertisement
lapa dos mercadores 2024 Leci Brandão e Xande de Pilares apoiam candidatura de Leonardo Giordano a deputado estadual: 'Alerj precisa de um gestor cultural'
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui