Seguidores de Bolsonaro se concentram no Posto 5, em Copacabana, neste domingo (1º), para apoiar o retorno do voto impresso (Foto: G1)

Um ato a favor do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) reuniu manifestantes neste domingo (01/08), na Avenida Atlântica, em Copacabana, na Zona Sul. O ato foi realizado a favor da volta do voto impresso nas eleições brasileiras.

O protesto contou com dois carros de som, um na altura da Rua Xavier da Silveira, outro próximo à rua Sá Ferreira, no Posto 5 de Copacabana. Além dos veículos, foi usado um guindaste para erguer uma grande bandeira do Brasil com a frase “Pátria Amada”.

Os manifestantes, que começaram a se concentrar no local por volta das 10h, ocuparam o canteiro central da orla e parte da pista da avenida rente ao calçadão, que aos domingos é fechada ao tráfego de veículos e transformada em área de lazer.

Segundo o Centro de Operações da Prefeitura Rio, até as 11h30, o protesto não havia provocado impacto no trânsito. Já próximo ao meio dia, porém, a Rua Miguel Lemos foi interditada e a pista da Avenida Atlântica rente aos prédios foi, parcialmente interditada. Às 14h, o trânsito no local foi totalmente liberado novamente.

A maioria esmagadora dos manifestantes trajava roupas nas cores verde e amarela. Muitos ignoravam a obrigatoriedade do uso de máscaras e não respeitavam o distanciamento mínimo imposto pela pandemia.

Filho do Presidente, o senador Flávio Bolsonaro, usou suas redes sociais para convocar seguidores a defender o voto impresso e auditável.

O ato, convocado pelo presidente nas redes sociais, foi realizado simultaneamente em outras cidades brasileiras. Objetivo é demonstrar pressão popular favorável à Proposta de Emenda Constitucional (PEC), que atualmente tramita na Câmara, para cédulas de papel voltem a ser usadas nas eleições de 2022.

10 COMENTÁRIOS

  1. Muito bom vc devem morar em áreas nobres é muito fácil falar em voto impresso , quero ver vc morando em áreas de milícias e tráfico no retorno da votação tem que amostrar o comprovante em quem votou se não for do interesse deles vai levar um corretivo ou expulso do lugar deixando tudo que conseguiu na vida.
    Quem é a favor deixem aprovar esta emenda e venha morar em uma dessas áreas, falar é muito bonito quando não está sobre o julgo de uma dessas forças paralelas.

    • Meu deus,q desânimo!!
      Vc entendeu tudo errado!!Vc não leva papelzinho nenhum pra casa,aliás vc nem encosta o dedo nele!!Vc confere e o papel cai direto numa urna para poder confirmar,caso se desconfie de fraude!!!Não fica com vc!!!Fica na sua seção eleitoral!!!!!

  2. Não sei porque não concedem logo essa redundância em papel para checagens. Se o resultado está correto, só vai abrilhantar o processo de votação. Se negarem implementar, vai jogar uns 30-40% dos brasileiros ao simples descrédito no sistema e ainda racionalizar as acusações de Bolsonaro. O mais racional seria o TSE implantar logo esse processo novo! A política atual está cegando muita gente – só porque Bolsonaro é o maior expoente pedindo a redundância do sistema eleitoral, as pessoas já partem do princípio que isso é algo ruim. Não pode ser assim.

      • Kkkkkk q piada!!Custo?Como a cambada do TSE é ciosa com nosso dinheiro não?Só não economizam nas próprias mordomias!!!
        Lentidão????Kkkkkkk prefere então ser enganado mais rápido?
        Porque o hacker Vandathegod está preso mesmo???Não foi por ter assessado todo o conteúdo”sigiloso”e inexpugnável?Sta inocência!!Isso na melhor das hipóteses né?

  3. Uma correção: a manifestação não é pela “volta do voto impresso”, e sim pela implementação do voto impresso e auditável. As vezes acho que esse blog é pouco profissional, mas ultimamente tô tendo certeza.

  4. “A maioria esmagadora dos manifestantes trajava roupas nas cores verde e amarela. Muitos ignoravam a obrigatoriedade do uso de máscaras e não respeitavam o distanciamento mínimo imposto pela pandemia.”
    Deviam ser fuzilados, é isso?

  5. Lotado,eu fui…..
    Queria saber qual o cagaço da escória em poder conferir os votos?
    Não é estranho isso?
    Nenhum vagabundo do TSE é tão novinho q não se lembre como é simples recontar votos!!
    Bangladesh e Botão são os únicos países com urnas iguais as nossas!!!
    EITA PROGREÇIO!!!!

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui