Marco Histórico: Todas as praias do Rio e de Niterói estão próprias para banho

O mais recente boletim de balneabilidade do INEA, atribui o feito às recentes melhorias em saneamento no Estado e à ausência de chuvas nos últimos dias

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Vista das Praias de Ipanema e Leblon, na Zona Sul do Rio - Foto: Rafa Pereira/Diário do Rio

Uma notícia excelente para os moradores do Rio de Janeiro e de Niterói foi anunciada pelo Instituto Estadual do Ambiente (INEA) na última sexta-feira (22/09): pela primeira vez, todas as praias da região estão em condições adequadas para o banho. Essa conquista, destacada no mais recente boletim de balneabilidade do instituto, pode ser atribuída às recentes melhorias em saneamento no Estado e à ausência de chuvas nos últimos dias.

O feito histórico para o Estado do Rio de Janeiro reflete o progresso em busca de uma melhor qualidade de vida para a população fluminense. “Temos avançado de forma promissora na temática do saneamento ambiental e o último boletim do Inea é um reflexo deste trabalho” celebrou o Vice-Governador e Secretário de Estado do Ambiente e Sustentabilidade, Thiago Pampolha.

De acordo com os critérios estabelecidos para a análise de balneabilidade do instituto, uma praia deve apresentar no máximo 1.000 NMP (Número Mais Provável) de coliformes termotolerantes a cada 100 ml em pelo menos 4 das cinco últimas coletas para ser considerada própria para banho. Graças às políticas atuais do Estado, a Praia de Botafogo viu sua contagem de coliformes termotolerantes diminuir de cerca de 16.000 para 790 NMP a cada 100 ml em um dos pontos monitorados em 2022.

O INEA realiza o monitoramento da balneabilidade em 291 pontos em todo o Estado do Rio de Janeiro, com coletas realizadas duas vezes por semana na Região Metropolitana. E após a análise dos dados no laboratório, as informações são disponibilizadas ao público por meio dos boletins de balneabilidade no portal do Inea.

Advertisement
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Marco Histórico: Todas as praias do Rio e de Niterói estão próprias para banho
Advertisement

4 COMENTÁRIOS

  1. A população fluminense está sendo ludibriada por uma propaganda anti Rio de Janeiro que já vem pelo menos há uns 50 anos.
    E por que esse tempo?
    Há uns 50 anos o Rio de Janeiro virou o maior produtor de petróleo do Bostil. De lá pra cá esse mesmo Bostil vem tirando os bilhões dos lucros do petróleo do Rio. A maioria desse dinheiro vai para Brasília, deixando aqui no Rio uma mixaria.
    Com o tempo o Rio também virou o maior produtor de gás do Bosti, e adivinhem, seguiu o mesmo projeto dos lucros do petróleo. Tiram também bilhões dos lucros do gás nos deixando com uma mixaria.
    Adivinhem para onde vão a maioria dos lucros do petróleo e gás Fluminense quando chega em Brasília?
    A bancada política Paulista leva para São Paulo a maioria desses bilhões, e as bancadas politicas sulistas (os Estados do Sul) e a bancada política mineira arrecadam uma boa parte considerável desses bilhões.
    Na questão da violência, já foi confirmado que mais de 90% das armas e drogas que alimentam as organizações criminosas, e consequentemente a violência no estado do Rio, vem das fronteiras com os Estados de São Paulo e Minas Gerais. Não vejo NENHUM empenho ou vontade desses estados fronteiriços em interceptar essas armas e drogas, deixando-me a entender que esses estados são incompetentes em agir contra a criminalidade em seus territórios, ou pior, esses estados fronteiriços estão cooperando com a entrada de armas e drogas no Rio com a intenção de um projeto pra lá de tenebroso que seria a desestabilização proposital do estado do Rio, ambicionando é claro, se apoderar definitivamente da produção e dos lucros bilionários do petróleo e gás do Rio de Janeiro.
    Me assusta a mídia Fluminense não informar a população do nosso estado que somos os maiores produtores de petróleo e gás do Bostil e que somos saqueados e sabotados o ano todo.
    Eu particularmente sou a favor da independência do estado do Rio de Janeiro como um país independente.
    Se nós somos o “patinho feio” do país, e ao mesmo tempo somos saqueados e sabotados pelo mesmo Bostil, por que devemos continuar sendo parte desse país?

    • Lembrando que a bancada da b0sta está lutando pelo fim do Marco do Saneamento no Congresso Federal. Se isso acontecer será um verdadeiro atraso civilizacional, será a volta do domínio de estatais incompetentes e cabideiro de apadrinhados políticos no setor de saneamento.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui