Maré e Realengo ganham novas cozinhas comunitárias que vão servir 560 refeições por dia

A iniciativa "Prato Feito Carioca" da Prefeitura do Rio visa atender moradores em situação de vulnerabilidade socioeconômica

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

A Prefeitura do Rio de Janeiro inaugurou, nesta quarta-feira (27/09), mais duas cozinhas comunitárias. E agora, o programa Prato Feito Carioca chega à Nova Holanda, no Complexo da Maré, Zona Norte, e a Realengo, na Zona Oeste, proporcionando refeições nutritivas para aqueles que mais precisam. Já foram servidas 2 milhões de refeições na cidade, desde o início desta iniciativa, e as duas novas unidades combinadas entregarão diariamente 560 refeições.

A unidade da Nova Holanda, a cozinha comunitária estará localizada na Igreja Evangélica Shekinah e oferecerá refeições de segunda a sexta-feira, destinadas aos trabalhadores da região. E além disso, as pessoas atendidas pelo Prato Feito Carioca na Maré terão acesso a programas de capacitação profissional e inserção no mercado de trabalho, fornecidos pela Secretaria Municipal de Trabalho e Renda.

As inaugurações contaram com a presença do Secretário Municipal de Trabalho e Renda, Everton Gomes, que ressaltou o objetivo do programa Prato Feito Carioca de apoiar moradores em situação de vulnerabilidade socioeconômica, um grupo que inclui cerca de 140 mil habitantes no Complexo da Maré. “Temos buscado garantir alimentação de qualidade, feita com carinho, para a população carioca. A insegurança alimentar atinge quase 10% da população mundial. No Rio, combatemos a insegurança alimentar e a fome. O que dá dignidade para o cidadão são as garantias da alimentação e do trabalho” afirmou.

Em Realengo, na Zona Oeste, a cozinha comunitária funcionará na Igreja Cristã Maanaim, situada a menos de 20 minutos a pé da Clínica da Família Rômulo Carlos Teixeira, que atende a população local. As comunidades beneficiadas incluem Jardim Novo, Mallet, Coab, João Lopes, Light, São Sebastião, Comunidade da Barata, Curral, Triângulo e Canecão. O cardápio incluirá refeições de 560 gramas, com 200g de arroz, 100g de feijão, 130g de proteína, 130g de legumes e uma fruta.

Advertisement

E com essas novas inaugurações, o Programa Prato Feito Carioca agora alcança trabalhadores em 16 locais no Rio de Janeiro. Além da Maré e de Realengo, as cozinhas comunitárias estão instaladas em outros bairros, como Mangueira, Andaraí, Catumbi, Bento Ribeiro, Tanque, Costa Barros, Anchieta, Acari, Recreio dos Bandeirantes, Vila Kennedy, Guaratiba, Campo Grande, Vila Aliança e Nova Sepetiba.

O Prato Feito Carioca é direcionado a inscritos no cadastro único da Secretaria de Assistência Social e também a qualquer trabalhador em situação de vulnerabilidade socioeconômica. E além das refeições nutritivas, essas pessoas têm a oportunidade de participar dos programas Trabalha Rio e Rio+Cursos, promovendo a inclusão no mercado de trabalho e a melhoria de suas perspectivas futuras.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Maré e Realengo ganham novas cozinhas comunitárias que vão servir 560 refeições por dia
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui