Maré: mil policiais civis e militares atuarão com as forças de segurança federais

Governo do Estado também empregará drones com sistema de inteligência artificial de reconhecimento facial e de placas

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Lucas Landau/Reuters

O governador Cláudio Castro (PL) informou que destacará mil policiais militares e civis para atuação conjunta com forças federais no Complexo da Maré, localizado na Zona Norte da capital fluminense. O Governo do Estado também empregará drones com sistema de inteligência artificial de reconhecimento facial e de placas, 50 viaturas, 12 blindados, três aeronaves, cinco ambulâncias e a unidade de demolição da Polícia Militar, para a derrubada de barricadas.

“Estamos estruturando uma ação conjunta e efetiva, com muita inteligência, tecnologia e investigação para que a gente possa livrar a nossa população desses bandidos. Nas imagens feitas com drones ficou muito claro para toda a sociedade que esses criminosos são cruéis e não pensam duas vezes antes de usar crianças como escudos”, afirmou o governador.

Nesta segunda-feira (2), o chefe de Executivo estadual esteve em Brasília, onde se reuniu com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino (PSB), que colocou à disposição do Rio de Janeiro 570 agentes: 300 da Força Nacional e 270 da Polícia Rodoviária Federal, além de 50 viaturas e 22 blindados. Na ocasião, Dino também anunciou que repassará ao governo fluminense R$ 95 milhões, que serão usados na construção de presídios de segurança máxima no Estado do Rio.

“Na reunião com o ministro ficou decidido que as forças federais irão trabalhar em apoio às estaduais. E que não vai se resumir à Maré. Vamos fazer um trabalho de investigação mais amplo, de bloquear recursos financeiros, combater a entrada de armas e drogas no Rio, prender os líderes dessas facções criminosas e enviar para presídios federais. É uma ação mais completa e complexa do que as que temos visto”, explicou Castro.

Advertisement
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Maré: mil policiais civis e militares atuarão com as forças de segurança federais
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui