Marta é destaque do ‘Mano a Mano – Donas do Jogo’ em Niterói

Maior nome do Brasil no futebol feminino será grande estrela do evento, dia 27, na Praia de Icaraí

Além da Copa do Mundo, novembro será marcado também pelo futebol feminino no Brasil. No próximo dia 27, Niterói receberá a oitava edição do ‘Mano a Mano – Donas do Jogo’, evento que contará com as participações de atletas de destaque da modalidade. Assim como em 2021, Marta, seis vezes eleita pela FIFA a melhor jogadora do mundo, é presença confirmada no campeonato, que acontecerá na Praia de Icaraí, em frente à rua Otávio Carneiro, das 10 às 14 horas, com transmissão ao vivo da BAND a partir do meio-dia.

Diferente da edição anterior, em que a Rainha do Futebol atuou como jogadora, Marta irá comandar uma das três equipes do torneio como técnica. A iniciativa visa fortalecer pautas que a camisa 10 sempre defendeu, como o empoderamento feminino, liderança e inclusão social, além de fomentar o protagonismo do futebol feminino no Brasil. Outros grandes nomes da modalidade serão confirmados em breve.

O torneio será realizado com nove jogadoras, divididas em três times. A disputa acontecerá no formato de ‘golzinho’, brincadeira popular nas ruas brasileiras. Assim, o público terá a chance de ver de perto grandes nomes do futebol feminino e conhecer jovens talentos.

O ‘Mano a Mano – Donas do Jogo’ é uma realização da X3M e da Dream Factory, em parceria com a Prefeitura de Niterói, com patrocínio do Guaraná Antarctica e Enel Distribuição Rio, esta última pela Lei de Incentivo ao Esporte do Governo do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer.

“O ‘Mano a Mano’ é um projeto muito especial porque consegue transcender o esporte. A gente usa o futebol para trazer uma mensagem de igualdade, mostrar que as mulheres são empoderadas, que a gente precisa respeitá-las. E faz isso usando a voz potente das jogadoras que estão participando como replicadoras desse conceito”, afirma Bernardo Fonseca, CEO da X3M.

“A edição deste ano nos dá muito orgulho pois, além de estimular o fortalecimento do futebol feminino, dá luz a temas super importantes como igualdade, respeito e justiça às mulheres. A presença de atletas que driblaram os preconceitos para praticar sua paixão é mais um estímulo para encorajar outras mulheres e provocar uma reflexão sobre o tema”, diz Fernanda Cozac, diretora de Marketing da Dream Factory.

“O Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer, e através da Lei de Incentivo ao Esporte, estará sempre disposto a apoiar grandes eventos, especialmente aqueles que agregam grandes referências do esporte nacional. Ter a Marta, a melhor jogadora de futebol feminino de todos os tempos, em nosso Estado é um grande prazer. Tenho certeza de que será um grande evento para o público fluminense de uma forma geral, não apenas os niteroienses”, diz Alessandro Carracena, secretário de Estado de Esporte e Lazer do Rio de Janeiro.

Histórico – A primeira edição do Mano a Mano foi realizada em 2013 e contou com a ilustre presença da lenda jamaicana Usain Bolt, que brilhou na praia de Copacabana naquele ano e, também, nos dois anos seguintes. Em 2016 e 2017, o desafio contou com o velocista norte-americano Justin Gatlin. Em 2018, a competição mudou e foi para as águas da Lagoa Rodrigo de Freitas, com o duelo entre Isaquias Queiroz e o alemão Sebastian Brendel na canoagem. Desde o ano passado, o futebol feminino é a modalidade do Mano a Mano.

Renata Granchi
Renata Granchi é jornalista e publicitária com mestrado em psicologia. Passou pela TV Manchete, TV Globo, Record TV, TV Escola e Jornal do Brasil. Escreveu dois livros didáticos e atualmente é diretora do Diário do Rio. Em paralelo, presta consultoria em comunicação e marketing para empresas do trade.
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui