Micro e pequenas empresas do Rio de Janeiro geraram mais de 128 mil empregos

Levantamento do Sebrae Rio reforça importância dos pequenos negócios para retomada econômica do Rio de Janeiro

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Pessoas andam pelo centro do Rio de Janeiro | Foto: Rafa Pereira - Diário do Rio

As micro e pequenas empresas do Estado do Rio de Janeiro foram responsáveis por mais de 128 mil empregos com carteira assinada no ano passado. As MPE foram responsáveis por 66% dos empregos formais no Rio de Janeiro, sendo o terceiro estado que mais criou vagas de emprego, ficando atrás apenas de São Paulo (431 mil vagas) e Minas Gerais (159 mil oportunidades). Já as médias e grandes empresas produziram 34% das demais vagas. É o que aponta levantamento do Sebrae Rio, com base nos dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados).  

Em 2021, 88% das vagas formais criadas no estado foram pelos pequenos negócios. Ao longo de 2022, mesmo em um ano desafiador para toda a economia, os empreendedores permaneceram sustentando o mercado de trabalho, movimentando o poder de consumo, o que reforça a importância das micro e pequenas empresas para a retomada do crescimento da atividade econômica”, sustenta Antonio Alvarenga, diretor-superintendente do Sebrae Rio. 

Os setores de Serviços, Comércio e Construção Civil criaram 89% dos empregos formais no Estado do Rio de Janeiro. Todos os setores apresentaram saldo positivo de empregos. O setor de Serviços criou mais de 76,9 mil vagas, com destaque para restaurantes e similares (8,1 mil), serviços combinados de escritório e apoio administrativo (6 mil) e lanchonetes, casas de chá, de sucos e similares (3,8 mil). Já o comércio gerou mais de 18,5 mil postos de trabalho, com destaque para supermercados (2,4 mil) e minimercados, mercearias e armazéns (1,6 mil).  

Setenta por cento das oportunidades formais criadas pelos pequenos negócios dos munícipios estão localizadas no Rio de Janeiro (66,1 mil), Niterói (6,4 mil), Duque de Caxias (5,2 mil), São Gonçalo (4,1 mil), Macaé (3,9 mil) e Campos dos Goytacazes (3,1 mil). 

Advertisement

Leia também

Águas do Rio alega não saber sobre situação da Cedae mas presidente foi diretor da empresa – Bastidores do Rio

Antiga garagem da Silveira Martins é vendida por R$19,7 milhões a incorporadora

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Micro e pequenas empresas do Rio de Janeiro geraram mais de 128 mil empregos

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui