Morre Renato Ribeiro Abreu, um dos últimos grandes usineiros do estado do RJ

Proprietário da antiga Usina Sapucaia, em Campos dos Goytacazes, empresário se destacava também pela atuação junto à Irmandade de Nossa Senhora da Glória do Outeiro e à Associação Comercial do RJ

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Renato Ribeiro Abreu - Foto: Divulgação/ACRJ

Faleceu, na manhã desta quinta-feira (30/11), no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, o empresário Renato Ribeiro Abreu. Ele presidia o Grupo MPE, além de ter sido proprietário, em Campos dos Goytacazes, na região Norte do estado do Rio de Janeiro, da antiga Usina Sapucaia e dono da franquia da ”Rádio Band FM’ na própria cidade.

De acordo com o ”Jornal Terceira Via”, nos últimos dias, o quadro clínico de Renato piorou devido a problemas na coluna vertebral, com o empresário sendo levado ao Sírio-Libanês. Durante a madrugada desta quinta, ele sofreu diversas paradas cardíacas e não resistiu.

Nascido no município de São Fidélis, também no Norte Fluminense, Abreu formou-se em Engenharia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e se destacava ainda pela atuação junto à Igreja de Nossa Senhora da Glória do Outeiro, na Zona Sul carioca, sendo considerado um grande benfeitor da Irmandade. Ele era membro da Ordem Soberana de Malta e, por vezes, ajudou financeiramente a instituição.

Paralelamente, desde 2003 integrava o Conselho Superior da Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ), que prestou homenagem ao empresário.

Advertisement

Leia também

Antiga garagem da Silveira Martins é vendida por R$19,7 milhões a incorporadora

Vídeo: Raio atinge Cristo Redentor durante registro de visitante

”É com profundo pesar que a ACRJ comunica o falecimento de nosso benemérito Renato Abreu, sócio-fundador do Grupo MPE. Sua vida empresarial e amor ao empreendedorismo nos deixa um legado de luta, determinação e dedicação ao trabalho como inspiração para todos que desejam empreender em nosso país. Nossos mais profundos sentimentos à sua família”, disse Josier Vilar, presidente da ACRJ.

”Renato foi um ser humano de qualidades incomensuráveis, amigo, generoso, cidadão comprometido com o social, empresário que enfrentou grandes desafios, com uma história de vida empresarial das mais vitoriosas. A Associação Comercial do Rio de Janeiro está de luto”, complementou, por sua vez, Ruy Barreto Filho, presidente do Conselho Superior da ACRJ.

O velório de Renato Ribeiro Abreu acontecerá nesta sexta (01/12), no Cemitério Parque da Colina, em Niterói, Região Metropolitana do RJ, onde será realizada uma missa de corpo presente. Ele deixa a esposa Maria de Lourdes Maia de Abreu e uma filha, Cristiane.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Morre Renato Ribeiro Abreu, um dos últimos grandes usineiros do estado do RJ

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui