Museu do Amanhã oferece programação gratuita para crianças nas férias de janeiro

Com o nome “Brincar é Ciência: Do Céu a Baía”, a agenda terá atividades focadas no Dia do Astronauta e no Dia da Baía de Guanabara

Foto: Divulgação/Museu do Amanhã

O Museu do Amanhã preparou uma programação gratuita para bebês e crianças de 0 a 12 anos aproveitarem durante as férias ao longo de todos os finais de semana de janeiro, além do feriado de São Sebastião. Com o nome “Brincar é Ciência: Do Céu a Baía”, a agenda terá atividades focadas no Dia do Astronauta, celebrado em 9 de janeiro, e no Dia da Baía de Guanabara, comemorado em 18 de janeiro.

Nós buscamos o diálogo constante com os nossos públicos, inclusive com as crianças. Nos preocupamos em criar programações que os tragam para dentro do Museu para que eles possam aprender e cocriar junto com a gente. Queremos estimulá-los, desde pequenos, a despertar para temas importantes como o meio ambiente e a convivência no nosso planeta por meio de experiências divertidas”, conta Bruna Baffa, Diretora Geral do Museu do Amanhã.

Confira a programação completa abaixo:

  • Sábado, 7 de janeiro
  • Experimentações do Brincar
  • Horário: 10h às 12h (crianças de 3 a 6 anos) e 14h30 às 16h (crianças de 7 a 10 anos)
    Local: Terreiro de Curiosidades
  • Sinopse: Atividade educativa com experimentações lúdicas sobre os fenômenos do céu, em celebração ao Dia do Astronauta, comemorado em 9 de janeiro. 
  • Domingo, 8 de janeiro
  • Brincar é Ciência: Amanhãs de História
  • Horário: 11h às 12h
  • Local: Observatório
  • Classificação indicativa: Livre
  • Sinopse: Contação de histórias para crianças e famílias com intuito de compartilhar narrativas mitológicas, históricas e contemporâneas que expressam distintas realidades que coexistem no planeta.
  • Sábado, 14 de janeiro
  • Experimentações do Brincar
  • Horário: 10h às 12h (crianças de 3 a 6 anos) e 14h30 às 16h (crianças de 7 a 10 anos)
    Local: Terreiro de Curiosidades
  • Sinopse: Atividade educativa com experimentações lúdicas sobre os fenômenos do céu, em celebração ao Dia do Astronauta, comemorado em 9 de janeiro. 
  • Domingo, 15 de janeiro
  • Brincar é Ciência: Pequenos Terráqueos
  • Horário: 10h30 às 11h30
  • Local: Observatório
  • Classificação indicativa: crianças de 0 a 3 anos
  • Sinopse: Por meio de música e de objetos sensoriais, a atividade busca apoiar o desenvolvimento motor e sensorial de bebês até 3 anos.
  • Sexta, 20 de janeiro
  • Trilhar os Amanhãs: Baía de Guanabara
  • Horário: 10h30 às 12h
  • Local: Exposição Principal
  • Classificação indicativa: Livre
  • Sinopse: Visita mediada na exposição principal com enfoque na Baía de Guanabara, em celebração ao Dia Estadual da Baía de Guanabara, comemorado em 18/1.
  • Sábado, 21 de janeiro
  • Oficina Inventando Amanhãs
  • Horário: 10h às 12h30 (crianças de 6 a 8 anos) e 14h30 às 16h (crianças de 9 a 11 anos)
  • Local: Observatório
  • Sinopse: Com o objetivo de combater a crise de imaginação instalada e criar um acervo de futuros possíveis livres das amarras sociais, o projeto convida grupos de crianças para pensar em futuros não domesticados através de uma oficina de desenho. A ideia é acessar a sabedoria infantil que os adultos, eventualmente, deixam de alcançar com as próprias mãos. O projeto é uma parceria entre o Laboratório de Atividades do Amanhã, que conta com o patrocínio do Santander, e a equipe de Educação do Museu do Amanhã. 
  • Domingo, 22 de janeiro 
  • Brincar é Ciência: Amanhã de Histórias
  • Horário: 11h às 12h
  • Local: Observatório
  • Classificação indicativa: Livre
  • Sinopse: Contação de histórias para crianças e famílias com intuito de compartilhar narrativas mitológicas, históricas e contemporâneas que expressam distintas realidades que coexistem no planeta.
  • Sábado, 28 de janeiro
  • Oficina Inventando Amanhãs
  • Horário: 10h às 12h30 (crianças de 6 a 8 anos) e 14h30 às 16h (crianças de 9 a 11 anos)
  • Local: Observatório
  • Sinopse: Com o objetivo de combater a crise de imaginação instalada e criar um acervo de futuros possíveis livres das amarras sociais, o projeto convida grupos de crianças para pensar em futuros não domesticados através de uma oficina de desenho. A ideia é acessar a sabedoria infantil que os adultos, eventualmente, deixam de alcançar com as próprias mãos. O projeto é uma parceria entre o Laboratório de Atividades do Amanhã, que conta com o patrocínio do Santander, e a equipe de Educação do Museu do Amanhã. 
  • Domingo, 29 de janeiro
  • Brincar é Ciência: Pequenos Terráqueos 
  • Horário: 10h30 às 11h30
  • Local: Observatório
  • Classificação indicativa: crianças de 3 e 6 anos 
  • Sinopse: Por meio de música e de objetos sensoriais, a atividade busca apoiar o desenvolvimento motor e sensorial de bebês até 3 anos.
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui