Museu do Amanhã será iluminado de azul no ‘Dia Internacional do Combate à Corrupção’

"É importante iluminar um monumento do porte do Museu do Amanhã para dar destaque e efetivo simbolismo no combate à corrupção," disse o secretário de Governo e Integridade Pública, Tony Chalita

Foto: Rafael Pereira

O Dia Internacional do Combate à Corrupção, celebrado nesta sexta-feira (9), contará com uma série de intervenções no Rio de Janeiro, entre elas está uma mudança na iluminação do Museu do Amanhã, que será azul. Em comemoração à data, a Subsecretaria de Governo e Integridade Pública (Segovi), da Prefeitura do Rio deu início a campanha da cultura de integridade, que terminará dia 16, com a segunda edição da Jornada da Integridade, promovida pelo poder público municipal.

Foram várias as ações promovidas pela Segovi destinadas ao combate à corrupção, desde 2021. Uma delas é a obrigatoriedade do cumprimento dos princípios e regras de integridade pública por parte dos agentes públicos do Poder Executivo do Município. A medida deu origem ao Questionário Eletrônico de Integridade (QEI). Também foi assinado o termo de cooperação com a Controladoria Geral do Município de São Paulo (CGM/SP), através do qual foi possível ao Rio ter acesso ao Sistema de Registro de Bens dos Agentes Públicos (SISPATRI), ferramenta de monitoramento de bens, e evolução de riqueza e patrimônio dos servidores municipais, comissionados ou efetivos.

É importante iluminar um monumento do porte do Museu do Amanhã para dar destaque e efetivo simbolismo no combate à corrupção. Só este ano, mais de 1.500 servidores e agentes públicos foram treinados sobre o tema, em masterclasses que vêm sendo realizadas na Prefeitura do Rio. Além disso, outras ações foram muito importantes, como a criação da Central Anticorrupção da Prefeitura, o Código de Integridade do Agente Público do Poder Executivo Municipal, além das formações promovidas pela SUBIP sobre Cultura de Integridade para comissões técnicas e servidores,” afirmou o secretário de Governo e Integridade Pública, Tony Chalita.

As informações são da rádio Tupi.

Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. Kkkkkkkkkkkk Comédia! Soltaram um presidiário pra se candidatar a presidente, vão soltar um ex governador com mais de 300 anos de condenação, o prefeito desapropria um terreno de 55 milhões pra brincar de Carnaval, una equipe de transição com mais de 16 condenados e vão acender uma luz azul ! Sem falar no #STTVergonhaNacional ! Deveriam acender a luz vermelha ! Ou apagar a luz de vez e entregar as chaves ! A hipocrisia reina no reino de Ali Baba e seu 40 ( ou 400) ladrões!

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui