Museu do Samba na Mangueira livra-se do mau cheiro após obra no entorno

Os dejetos frequentemente transbordavam, afetando parte da área do museu e causando desconforto tanto aos funcionários quanto aos visitantes

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

O tradicional Museu do Samba, localizado na Rua Visconde de Niterói, 1296, aos pés do Morro da Mangueira, vinha sofrendo há bastante tempo com o mau cheiro vindo do esgoto que escorria, por uma calha de drenagem pluvial, da encosta do Morro da Mangueira. Os dejetos frequentemente transbordavam, afetando parte da área do museu e causando desconforto tanto aos funcionários quanto aos visitantes. A Águas do Rio, concessionária responsável, assegurou que o problema foi solucionado.

A intervenção consistiu na interceptação da calha pluvial e no desvio do fluxo diário de 27 mil litros de esgoto para a recém-implantada rede de esgotamento sanitário no local. Heverton Oliveira, coordenador de Operações da Águas do Rio, destacou que a ação foi um compromisso com a preservação da cultura afro-brasileira, indo além da resolução de um problema pontual de esgoto.

O Museu do Samba abriga, desde 2013, um vasto acervo material que inclui fantasias que remetem às alas consideradas mais tradicionais dentro das escolas de samba, bem como os principais instrumentos que compõem a bateria de uma escola, além de uma sala de vídeo. Além disso, o museu possui um núcleo de educação patrimonial considerado referência no setor.

Com horário de funcionamento de terça a sábado, das 10h às 17h, os ingressos para o museu custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Há isenção para alunos da rede pública de Ensino Fundamental e Médio, crianças até 5 anos, maiores de 60 anos, professores da rede municipal, vizinhos do Museu do Samba e guias de turismo.

Advertisement

Leia também

Proposta do BNDES para o Centro do Rio inclui calçadões e parque no Canal do Mangue

Há quarenta anos fazendo fantasias com materiais recicláveis, ex-empregada doméstica se destaca em concursos e tem fotos espalhadas pelo mundo

A revitalização promete tornar a experiência no museu mais agradável e acessível ao público interessado na rica história do samba, patrimônio cultural do Brasil.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Museu do Samba na Mangueira livra-se do mau cheiro após obra no entorno

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui