Novo PAC vai injetar R$ 342,6 bilhões no Rio de Janeiro; veja valores e principais obras

O Programa de Aceleração de Crescimento foi lançado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva na manhã desta sexta-feira (11/08), em uma cerimônia no Theatro Municipal, no Centro do Rio

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Centro do Rio - Foto Daniel Martins

A nova edição do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), lançada nesta sexta-feira, 11, vai investir R$ 342,6 bilhões em obras e serviços no Rio de Janeiro. O estado terá o maior volume de recurso em comparação as outras unidades da federação.

No conjunto de obras do programa, estão as 16 novas plataformas para desenvolvimento da produção de petróleo e gás natural, 11 gasodutos interligados e um gasoduto de escoamento – Rota 3, Refinaria Duque de Caxias – co-processamento e moradias do Minha Casa Minha Vida.

A partir de setembro, no âmbito do Novo PAC, o governo federal lançará editais, que somam R$ 136 bilhões para a seleção de outros projetos prioritários de estados e municípios em áreas como saúde, educação e cultura e esporte.

Principais obras contempladas pelo PAC

  • 16 novas plataformas para Desenvolvimento da Produção de Petróleo e Gás Natural
  • 11 Gasodutos Interligados
  • 1 Gasoduto de Escoamento – Rota 3
  • Co-processamento da Refinaria Duque de Caxias
  • Moradias do Minha Casa Minha Vida — R$ 14,8 bilhões
  • Internet nas escolas e expansão do 5G — R$ 2 bilhões
  • Unidades de saúde — R$ 10 bilhões
  • Construção de creches, escolas de tempo integral e a modernização e expansão de Institutos e Universidades Federais — R$ 14,9 bilhões
  • Transporte — R$ 65,8 bilhões
  • Transição energética — R$ 220,7 bilhões
  • Defesa — R$ 14 bilhões

Advertisement
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Novo PAC vai injetar R$ 342,6 bilhões no Rio de Janeiro; veja valores e principais obras
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui