Número de veículos na Linha Amarela deve ser menor neste Réveillon, mas Lamsa alerta para aumento de acidentes

Concessionária se junta a Operação Lei Seca e faz ações de conscientização na via expressa para reduzir o número de acidentes durante as festas de fim de ano. No total, 449 mil automóveis são esperados nos próximos dias

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

A Linha Amarela, uma das principais vias expressas do Rio de Janeiro, deve ter uma queda de 7% no volume de veículos que passam pela praça do pedágio entre os dias 29 de dezembro e 1° de janeiro de 2024, devido ao Réveillon. No total, 449 mil automóveis são esperados nos próximos dias. Apesar da expectativa de redução do número de veículos, a concessionária faz uma ação conjunta com a Operação Lei Seca para conscientizar os motoristas sobre os riscos de dirigir alcoolizado.

Durante o período de festas, a empresa também vai reforçar os serviços médicos e mecânicos. Até 46 colaboradores serão divididos por turno, contribuindo para o atendimento à demanda nas cabines. A comunicação visual também será intensificada e mensagens exibidas diariamente nos painéis deixarão os condutores informados sobre as condições meteorológicas e de trânsito, sobre direção responsável e manutenção preventiva.

Confira os horários com maior trânsito:

Domingo (31/12) – Tráfego moderado das 17h – 21h
Segunda (01/01) – Tráfego intenso das 12h – 22h

Advertisement

Leia também

Conheça seis motivos para investir em uma pós-graduação

Aeroporto Santos Dumont pode ser fechado durante o G20, em novembro

Serviço: ação em conjunto com a Operação Lei Seca
Data: 31/12/2023
Horário: 9h às 13h
Local: praça do pedágio

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Número de veículos na Linha Amarela deve ser menor neste Réveillon, mas Lamsa alerta para aumento de acidentes

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui