Prédio da Eletrobrás na Lapa No meio do caminho para a construção do Titã II, o espigão que a Eletrobrás quer colocar bem ao lado do Arcos da Lapa, tem uma APAC e que pode tornar a recente aprovação do aumento do gabarito dos atuais 24 metros para mais de 130 metros sem efeito.

 

De acordo com o blog Salve a Lapa seria necessário uma outra lei revogando a atual que criou a APAC. O que seria interessante já que dessa vez os vereadores teriam de fazer a lei com a imprensa de olho e perto das eleições. Claro que isso não impediu que eles criassem mais um imposto…

Mas, como se não bastasse, o prédio da Eletrobrás só foi o começo. Há uma nova proposta de Eduardo Paes para alterar as atuais regras de construções no Corredor Cultural do Centro, é o que informa O Globo. O projeto propõe elevar o gabarito dos atuais 12,5 metros (3 andares) para 42 metros (14 andares), em um terreno do BNDES, na Av. República do Paraguai. Bem ao lado do Convento de Santo Antônio e da Igreja de São Francisco da Penitência…

 

O próximo projeto de Paes pode ser construir um edifício no lugar do Cristo Redentor…

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui