law_and_order_criminal_intent Um episódio da série “LAw & Order: Criminal Intent”, seriado de grande sucesso, nunca assisti a um episódio só que devido a não gostar de suspense policial ou de tribunal, deixou o Comitê RIo 2016 e o prefeito Eduardo Paes estressados.

 

No episódio que passou em JUNHO e no Brasil quinta passada, mostra a investigação fictícia do assassinato de uma mulher em Nova York, integrante do Comitê Olímpico da Bélgica, que teria como motivo principal interesses financeiros na candidatura do Rio para sediar os jogos.  Na trama, os detetives descobrem que o criminoso é Jack Tayler, dono de uma empresa de segurança multinacional que seria contratado caso o Rio seja escolhido. Segundo a coluna de Ancelmo Gois, o autor do crime tenta chantagear a belga a votar a favor da candidatura brasileira.

Ok… mas o porquê de tanto barulho? Para que o CO-Rio precisou de uma nota “manifestando repúdio”. Será que Eduardo Paes realmente acha o que disse, de que o episódio poderia atrapalhar a candidatura americana por insunuar uma possível corrupção no processo eleitoral?

 

Oras, é apenas uma obra de ficção! E não vejo onde isso pode atrapalhar a candidatura carioca ou até mesmo um sinal de que haveria uma corrupção monstruosa para que o Rio de Janeiro seja eleito a cidade sede. E que os roteiristas tenham se baseado em um fato real. A não ser que eles tenham se baseado nas eleições municipais… com feriadão criado e tudo…

 

O correto seria apenas dizer que é uma obra de ficção e pronto.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui