Obras no Hospital Estadual de Araruama buscam expandir o atendimento na Região dos Lagos

O Hospital Estadual Roberto Chabo está prestes a concluir as obras de um novo Centro de Trauma e de expansão e modernização de seu Centro de Tratamento Intensivo (CTI)

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

O Hospital Estadual Roberto Chabo, situado em Araruama, na Região dos Lagos, reconhecido pelo atendimento especializado a pacientes com múltiplos traumas, está prestes a concluir as obras de um novo Centro de Trauma e da expansão e modernização de seu Centro de Tratamento Intensivo (CTI). Esta unidade registrou um aumento significativo de mais de 40% nos atendimentos em um ano, saltando de 17 mil entre janeiro e outubro do ano anterior para 24 mil no mesmo período deste ano.

As intervenções, previstas para estarem totalmente finalizadas no início do ano que vem, coincidem com a temporada de verão, quando a região recebe um fluxo expressivo de turistas, ultrapassando um milhão de visitantes. O diretor geral da unidade, Mário Jorge Espinhara, destaca que o Centro de Trauma será equipado com quatro leitos de estabilização, prontos para receber pacientes em estado grave, enquanto o CTI expandirá sua capacidade de nove para 16 leitos.

“Estamos ampliando o hospital, uma unidade muito importante no atendimento de média e alta complexidade. As obras seguem dentro do cronograma e queremos abrir os novos espaços em janeiro, estação do verão, quando o número de atendimento mais do que dobra. O investimento nessas obras vai evitar a transferência de pacientes politraumatizados para outras unidades do Estado.” afirma Espinhara.

E além das obras, o hospital passa por trabalhos de manutenção corretiva e preventiva em toda sua estrutura. O diretor administrativo, Walter Willmer, assegura que as intervenções estão seguindo o cronograma previsto, priorizando melhorias na infraestrutura sem afetar a assistência aos pacientes.

Advertisement

Leia também

Estrangeiros LGBTQIA+ estão comprando todos novos imóveis de Ipanema – Bastidores do Rio

TransBrasil inicia operações neste sábado, da Penha ao Terminal Gentileza

“Estamos revisando as redes de água, luz e oxigênio, realizando pintura interna e externa, troca de pisos em alguns setores e concluindo o projeto de climatização em todas as enfermarias. Aguardamos o reforço de carga na amperagem da unidade para que suporte a instalação dos novos equipamentos de refrigeração. Os serviços estão acontecendo sem qualquer tipo de alteração no atendimento aos pacientes.” assegura Walter.

A unidade destaca um aumento significativo no número de cirurgias, procedimentos e aquisição de novos equipamentos, incluindo a instalação de um moderno tomógrafo. O diretor técnico, Samuel Flores, enfatiza o crescimento expressivo nos atendimentos médicos, cirurgias de urgência e emergência, além dos exames laboratoriais e de imagens nos últimos meses. “O número de atendimentos médicos, procedimentos e cirurgias e exames de imagens e laboratoriais deu um salto nos últimos meses. As cirurgias de urgência e emergência também cresceram quase 40% em relação aos outros anos” comemora.

E com um ambulatório de pós-operatório, o hospital oferece reavaliações por especialistas como neurocirurgiões, cirurgiões gerais, pediatras, intensivistas, cirurgiões plásticos, oftalmologistas, bucomaxilofaciais, cirurgiões vasculares e ortopedistas. A unidade, que atualmente conta com 83 leitos ativos, incluindo nove de UTI, é administrada pelo Ideas e recebe pacientes regulados de Araruama, Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Casimiro de Abreu, Iguaba Grande, Rio das Ostras, São Pedro D’Aldeia e Saquarema, garantindo atendimento especializado e de alta qualidade.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Obras no Hospital Estadual de Araruama buscam expandir o atendimento na Região dos Lagos

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui