Orquestra Sinfônica Jovem do RJ se apresentará na Sala Cecília Meireles

A Orquestra residente da PUC-Rio receberá a oboísta carioca Juliana Bravim, sob a batuta do maestro Guilherme Bernstein

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Juliana Bravim será a solista do concerto - Foto: Dani Batista

Orquestra Sinfônica Jovem do Rio de Janeiro (OSJRJ), Orquestra residente da PUC-Rio, convida para o penúltimo concerto do ano, que acontecerá dia 14 de novembro, às 19h, na Sala Cecília Meireles. Desta vez, a musicista carioca Juliana Bravim será a solista da noite, e vai encantar o público com o oboé, sob a batuta do maestro Guilherme Bernstein. Os ingressos já estão à venda e custam R$20 (inteira) e R$10 (meia-entrada).

No repertório do concerto, a “Abertura Trágica Op.81”, de Johannes Brahms dá início ao programa da noite. E será seguida pelo “Concertino para Oboé e Cordas”, uma obra do próprio maestro Guilherme Bernstein, encomendada pelo projeto SINOS (Sistema Nacional de Orquestras Sociais)/FUNARTE, e que destaca a versatilidade do oboé, considerado por muitos um instrumento muito difícil, mas também com um som belíssimo. 

O concerto terminará com a “Sinfonia N.8” de Antonin Dvorak. Esta será a primeira vez que Guilherme e Juliana se apresentam com a Orquestra.

“Para os 55 componentes da OSJRJ será uma grande inspiração tocar ao lado de uma instrumentista tão jovem e talentosa como a Juliana, sendo conduzidos pelo maestro Guilherme Bernstein. É um exemplo para que eles possam acreditar em seus sonhos e na sua evolução na música”, afirma Fiorella Solares, diretora artística da Orquestra e do projeto Ação Social pela Música do Brasil.

Advertisement

A Orquestra Sinfônica Jovem do Rio de Janeiro é composta por 55 jovens, em sua maioria moradores de comunidades do Rio, e é oriunda do projeto Ação Social pela Música do Brasil (ASMB), que atua com ensino de música clássica a jovens e crianças que vivem em áreas de vulnerabilidade em todo o estado, oferecendo oportunidade de profissionalização e de crescimento pessoal por meio da música.

PROGRAMA:
Abertura Trágica, Op.81 – Johannes Brahms 
Concertino para Oboé e Cordas – Guilherme Bernstein
I. Moderato
II. Andante
II. Allegro 

*** intervalo ***

Sinfonia N.8 em Sol Maior, Op.88 – Antonin Dvorak
I. Allegro con brio
II. Adagio
III. Allegretto grazioso 
IV. Allegro ma non troppo

SERVIÇO:
Orquestra Sinfônica Jovem do Rio de Janeiro
Regência: Guilherme Bernstein   
Solista:  Juliana Bravim (oboé)
Data:14/11/2023 
Local: Sala Cecília Meireles – Rua da Lapa, 47, Centro, Rio de Janeiro.
Horário: 19h 
Ingressos: R$20 (inteira) e R$10 (meia-entrada)
Vendashttp://salaceciliameireles.rj.gov.br/ 

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Orquestra Sinfônica Jovem do RJ se apresentará na Sala Cecília Meireles
Advertisement
lapa dos mercadores 2024 Orquestra Sinfônica Jovem do RJ se apresentará na Sala Cecília Meireles
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui