Foto: Divulgação/ Paxman

O Instituto Nacional de Câncer, INCA, é o primeiro centro oncológico vinculado ao SUS a oferecer a crioterapia capilar com a chamada Touca Inglesa, uma tecnologia capaz de evitar ou reduzir a queda de cabelos induzida pela quimioterapia. A instalação do novo equipamento, presente nos quatro melhores hospitais do mundo, decorre de uma doação da Paxman, empresa britânica presente no Brasil desde 2013.

Marcelo Bello, diretor do INCA III, unidade que receberá a tecnologia, explica como é importante poder oferecer o cuidado às pacientes da rede pública: “É muito mais que um cuidado com autoestima. É a possibilidade de oferecer às pacientes do SUS mais uma tecnologia de ponta. Elas merecem. O tratamento não se aplica a todos os casos, mas pode amenizar a queda e preservar os cabelos em diversas situações”.

A Touca Inglesa já estava disponível em redes e clínicas particulares. A tecnologia vem sendo desenvolvida há décadas. Ao longo de mais de 20 anos de pesquisas, pacientes relataram a diminuição da queda de cabelo, a ponto de dispensar o uso de lenço ou peruca. A taxa de sucesso depende do tipo de medicação administrada, 50% para as mais fortes e até 92% nas menos agressivas e a sensação de frio foi tolerada por 98% dos pacientes.

Para Gustavo Spritzer, Diretor da Paxman Brasil, o uso da tecnologia possibilita a humanização do tratamento: “A Paxman atua para oferecer tecnologia e transformar a vida das pessoas para melhorar e mudar o estigma do câncer, como forma humanizada e positiva de enfrentar esse momento. É um privilégio realizar essa doação para o INCA, um centro de excelência. É possível vencer o câncer sem perder os cabelos. Acreditamos na humanização do atendimento e vemos que essa tecnologia colabora para isso”.

A questão da queda de cabelo vai muito além da estética. As consequências são graves e pode ocasionar até mesmo a desistência do tratamento. A NATIONAL COMPREHENSIVE CANCER NETWORK, NCCN, divulgou  que o uso da crioterapia capilar, por meio da Touca Inglesa, agora faz parte das Diretrizes de Prática Clínica em Oncologia da NCCN para pacientes que vão iniciar o tratamento para câncer de mama, ovário, peritoneal e trompa de falópio. A novidade reforça a importância e consequências da possibilidade de manutenção dos cabelos durante a quimioterapia.

Costa do mar, do Rio, Carioca, da Zona Sul à Oeste, litorânea e pisciana. Como peixe nos meandros da cidade, circulante, aspirante à justiça - advogada, engajada, jornalista aspirante. Do tantã das avenidas, dos blocos de carnaval à força de transformação da política acreditando na informação como salvaguarda de um novo tempo: sonhadora ansiosa por fazer-valer!

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui