Parceria entre UFRJ e Secretaria de Ciência e Tecnologia formará estudantes para atuarem em Naves do Conhecimento

Acordo vai capacitar estudantes, professores e técnicos da universidade para desenvolverem atividades em nove Naves do Conhecimento das Zonas Norte e Oeste do Rio

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

Um acordo de cooperação técnica firmado entre a Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e a Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia (SMCT) vai capacitar estudantes, professores e técnicos da universidade para desenvolverem atividades em nove Naves do Conhecimento das Zonas Norte e Oeste do Rio. O projeto “UFRJ na Ciência e Tecnologia” visa promover impacto social e qualificar a formação dos alunos.

“Esse é um projeto que expande o alcance da universidade para além da sala de aula. É justamente a vocação das Naves funcionarem como equipamentos que estimulam ações colaborativas e criativas em prol da educação e da ciência”, explica a secretária municipal de Ciência e Tecnologia, Tatiana Roque.

O projeto é dividido em duas fases. Na primeira, que inclui o público em geral, serão selecionadas 300 pessoas para um curso livre envolvendo ciência, tecnologia e inovação. Já na segunda etapa, exclusiva para alunos, professores e técnicos da UFRJ, os participantes vão desenvolver atividades práticas, em bairros como Santa Cruz, Madureira e Irajá, com objetivo de construir soluções para problemas locais, além de estimular o envolvimento da própria comunidade na formulação de políticas públicas.  

Este projeto está muito afinado com o que a Extensão da UFRJ busca, que é  integrar universidade e demais grupos sociais, a partir de uma troca de saberes. Além de possibilitar que estudantes vivam experiências práticas no campo da ciência, tecnologia e inovação, a parceria impacta e promove a transformação social nos territórios“, diz Ivana Bentes, pró-reitora de Extensão da UFRJ.  

Advertisement

O curso de extensão, da primeira etapa, vai tratar de temas como inclusão digital, ciência e tecnologia no cotidiano, inovação científica e gestão pública. Serão ofertadas 160 vagas para o público em geral e 140 vagas para estudantes de graduação e de pós-graduação, professores e técnicos administrativos da UFRJ, totalizando 300 vagas.

Na segunda etapa, exclusiva para estudantes, professores e servidores da UFRJ, além da atuação nas Naves do Conhecimento e na SMCT, serão selecionados 50 integrantes, que vão participar de reuniões semanais, mentorias, apresentações de projetos e ações.

As duas fases serão conduzidas com bases em seis linhas temáticas, voltadas para desenvolver e qualificar políticas públicas ligadas à ciência e tecnologia. São elas: Linha 1: Impactos territoriais; Linha 2: Vocações locais; Linha 3: Inovação Científica; Linha 4: Formação e Capacitação (em tecnologia, inovação e promoção da ciência); Linha 5: Atividades Culturais e Linha 6: Apoio à Gestão Pública.

Para maiores informações basta acessar: www.extensao.ufrj.br

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Parceria entre UFRJ e Secretaria de Ciência e Tecnologia formará estudantes para atuarem em Naves do Conhecimento
Advertisement

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui