Pedágio da Ponte Rio-Niterói fica mais caro a partir desta quinta-feira

Pela nova tabela, a tarifa para automóveis e caminhonetes subiu vinte centavos, passando a custar R$ 6,20. O último reajuste correu em julho de 2022, quando a tarifa passou de R$ 4,90 para R$ 6,00

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Ponto Rio Niterói / Imagem meramente ilustrativa / Ecoponte

A partir da meia noite desta quinta-feira (24), os condutores que trafegam pela Ponte Rio-Niterói passarão a pagar mais caro. O reajuste é resultado de uma resolução baixada pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), que foi publicada, nesta terça-feira (22), no Diário Oficial da União.

Pela nova tabela, o pedágio para automóveis e caminhonetes subiu vinte centavos, passando a custar R$ 6,20. Caminhões leves, furgões, ônibus e caminhão trator pagarão R$ 12,40, para atravessar a ponte. A tarifa para automóveis e caminhonetes com semirreboque será de R$ 9,30. Já as tarifas para caminhões, caminhões-trator e caminhões-trator com semirreboque devem variar de R$ 12,40 a R$ 37,20, dependendo da quantidade de eixos do veículo. O pedágio mais barato é a destinada às motocicletas: R$ 3,10

De acordo com o contrato de concessão da Ponte Rio-Niterói, a tarifa é calculada a partir da variação do Índice de Preços ao Consumidor (IPCA) ou de revisões extraordinárias. O último aumento correu no dia 12 de julho de 2022, quando o pedágio passou de R$ 4,90 para R$ 6,00.

As informações são do jornal O DIA.

Advertisement
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Pedágio da Ponte Rio-Niterói fica mais caro a partir desta quinta-feira
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui