Empate técnico: pesquisa mostra crescimento de Bolsonaro, que lidera com 51,5%

Há um empate técnico entre os candidatos. As intenções de voto já estão consolidadas entre os entrevistados. Das pessoas ouvidas, 91,7% disseram que estão com o voto definido.

Foto: Nelson Jr./TSE

Pela terceira vez consecutiva o atual presidente Jair Bolsonaro (PL) assume a dianteira das intenções de voto na pesquisa do Instituto Veritá. A pesquisa, relacionada ao segundo turno da eleição para a Presidência da República, ouviu 30.180 entrevistados, em 483 municípios dos 27 estados brasileiros, entre os dias 25 e 27/10. O Veritá foi um dos institutos que mais acertou nas previsões do primeiro turno das eleições, que envergonhou institutos mais conhecidos do grande público.

Na pesquisa, Bolsonaro registrou 51,5% das intenções de votos válidos, contra 48,5% de Lula (PT). De acordo com os parâmetros da pesquisa eleitoral, os candidatos estão em empate técnico, dentro da margem de erro de 2 pontos percentuais.

Segundo o levantamento, Bolsonaro tem a liderança no eleitorado masculino, com idade acima dos 25 anos, com ensino médio e superior, com renda superior a dois salários mínimos, brancos e evangélicos.

Ainda segundo a pesquisa, Lula se saiu melhor entre as mulheres, entre os eleitores com idades entre 16 e 24 anos, com renda até 2 salários mínimos, ensino fundamental, negros e católicos.

A pesquisa identificou que as intenções de voto já estão bastante consolidadas entre os entrevistados. Do total de pessoas ouvidas, 91,7% disseram que têm certeza em qual candidato vão votar. Apenas 6% estão indecisos, sendo que 2,3% ainda podem mudar o voto.

No recorte por sexo, homens e mulheres apresentam posições consolidadas diante dos candidatos escolhidos: 92,6% e 90,9%, respectivamente. Quanto aos recortes de faixa etária, escolaridade, renda familiar, religião, cor ou raça, a pesquisa não evidenciou oscilações nas tendências de votos dos entrevistados.

Na avaliação das intenções de voto espontâneo, Jair Bolsonaro também se saiu melhor que Lula, com 52,1%, contra 43,4%. Entre os entrevistados, 8,3% ainda estão indecisos. E, apenas 1,2% optaram por branco ou nulo. O candidato liberal saiu à frente entre o eleitorado masculino, com 52,7% dos votos. Lula, por sua vez, lidera entre as mulheres, com 47,2% das intenções de voto. Bolsonaro tem a preferência dos eleitores de 25 anos em diante, e Lula entre os jovens entre 16 e 24 anos. Bolsonaro se saiu melhor entre o eleitorado com ensino médio (52,9%) e superior (50,6%), renda até 2 salários mínimos (55,4%) e acima de 5 salários (52,7%), evangélicos (60,1%) e brancos (53,3%). Lula, por seu turno, tem a preferência dos votos dos eleitores com até o ensino médio incompleto (48,4%), com faixa de renda até 2 salários mínimos (47,8%), católicos (49%), negros (50,4%) e pardos (46%)

Na sondagem estimulada, 51,5% do eleitorado ouvido disse votar em Jair Bolsonaro, e 48,5% afirmou preferir o ex-presidente petista. Nos demais recortes, os resultados foram semelhantes ao identificados na pesquisa de voto espontâneo quanto às variáveis: sexo, faixa etária, escolaridade, renda familiar, religião, cor ou raça e ocupação.

Na avaliação por regiões, a pesquisa identificou uma grande tendência de vitória de Lula em todos os estados da região Nordeste. Jair Bolsonaro, por sua vez, bateria o candidato petista nas demais regiões do Brasil segundo o Veritá.

Esta semana, a Paraná Pesquisas divulgou levantamento em que Lula lidera, porém Bolsonaro cresce pela terceira semana seguida, e a situação de empate técnico se repete, mas em posições inversas: Bolsonaro tem 49,8% e Lula tem 50,2%. Já a pesquisa ModalMais/Futura coloca o atual presidente na liderança, com 50,3% enquanto Lula atinge 49,7%. O Instituto Gerp também trouxe o quadro de empate técnico.

A pesquisa do Instituto Veritá tem 95% de confiança, com margem de erro de 2 pontos percentuais. O levantamento recebeu o registro 04920/2022, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Advertisement

9 COMENTÁRIOS

  1. As eleições, limpas, lisas corretas, já terminaram. Bolsonaro é pato manco, o presidente legitimamamente eleito chama-se Luis Inácio Lula da Silva
    A isto chama- se processo democrático. Não gostam? Então vão para o Afeganistão e parem de encher e tirem esta matéria velha e ridícula do jornal. Caminhoneiros ,vão se danar. Bozo, vai para a Venezuela. Ih, a Venezuela era aqui.

  2. Única pesquisa a entrevistar mais de 30 mil pessoas e que teve grande acerto em pesquisas anteriores. Me parece mais confiável do que a de outra empresa que teve de mudar seu nome antigo depois de perder toda a credibilidade.

  3. voces sao muito bolsonaro, pegam essas pesquisam que tem numeros nada ver, pagas para criar essa ideia de que ele esta na frente, quando as outras 20 pesquisas mostras ele muito atras… fora esse instituto q ninguem conhece, saio de onde…

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui