Policiais Militares voltarão a usar câmeras corporais em 2023

Governo do Rio anunciou um investimento de R$500 milhões para o equipamento nas fardas, viaturas e prédios públicos; instalação das câmeras acontecerá após regulamentação

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

O Governo do Rio anunciou nesta segunda-feira, (13/03), através do Diário oficial, que vai comprar câmeras para viaturas, prédios públicos e câmeras de reconhecimento facial para as fardas dos agentes públicos de segurança. O investimento gira em torno de R$500 milhões.

De acordo com o Governo, o programa de implantação dos equipamentos tem três fases: instalação de câmeras portáteis corporais; instalação de câmeras ou rastreadores em viaturas e instalação de câmeras interligadas a Circuitos Fechados de TV em prédios ou repartições públicas.

No decreto fica determinado que é obrigatório que a câmera seja recolhida logo após confrontos envolvendo letalidade violenta.

A medida busca aumentar a transparência das ações policiais e dos órgãos de fiscalização. A instalação das câmeras acontecerá após a edição de uma regulamentação e o cronograma de execução deste programa que deverá acontecer no prazo máximo de 90 dias.

Advertisement

Leia também

Taxas de condomínio disparam no Rio; confira os bairros com os valores mais altos

Conheça seis motivos para investir em uma pós-graduação

Outra providência do Programa Estadual de Transparência é a previsão da gravação de depoimentos realizados pela polícia judiciária, na apuração de homicídios, autos de prisão em flagrante e confissões.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Policiais Militares voltarão a usar câmeras corporais em 2023

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui