Polícia prende, no Centro do Rio, falso motorista de aplicativo que aplicava ‘golpe da maquininha’

Segundo a Polícia Civil, o “golpe da maquininha” consiste na alteração do valor das corridas pagas por meio de cartão

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imagem meramente ilustrativa - Foto: Divulgação

Agentes da Polícia Civil prenderam, na tarde desta quinta-feira (8), um homem que se passava por motorista de aplicativo para aplicar o “golpe da maquininha.” Maxwel dos Santos Martins foi denunciado por uma passageira que embarcou na Rodoviária Novo Rio. Ao chegar ao destino pretendido, a mulher percebeu que o valor cobrado foi muito acima do mostrado no aplicativo, segundo a Polícia.

De acordo com os investigadores, o “golpe da maquininha”, aplicado por Maxwel, consiste na alteração do valor das corridas pagas por meio de cartão. Ao verificar o saldo bancário depois da corrida, a vítima verificou que havia sido lesada. Diante da informação, a mulher procurou a delegacia de polícia para registrar um boletim de ocorrência.

Maxwel dos Santos Martins foi localizado na Rua Mem de Sá, na Lapa, no Centro da cidade. A prisão foi feita por policiais da 17ª DP (São Cristóvão), delegacia na qual a vítima registrou a ocorrência.

O criminoso já era investigado por estelionato e associação criminosa. Maxwel foi encaminhado para a Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, Zona Norte do Rio.

Advertisement

Leia também

Pedro Paulo cada vez mais certo como vice de Eduardo Paes – Bastidores do Rio

10 coisas que só quem anda de ônibus no RJ vai entender

As informações são da rádio Tupi.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Polícia prende, no Centro do Rio, falso motorista de aplicativo que aplicava 'golpe da maquininha'

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui