Policiais Civis do RJ alertam para possível greve diante de ignoradas reivindicações

Representantes do SINDPOL-RJ entregaram uma carta ao Governador Cláudio Castro no Palácio Guanabara, destacando as dificuldades enfrentadas pelos agentes da polícia civil em sua rotina de trabalho

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

Na última sexta-feira (02/02), representantes do SINDPOL-RJ dirigiram-se ao Palácio Guanabara para entregar uma carta ao Governador Cláudio Castro, expondo o caos enfrentado pelos agentes da polícia civil em sua rotina de trabalho.

A presidente do sindicato, Márcia Bezerra, revelou que o documento aborda as principais dificuldades que a categoria enfrenta há anos. Entre elas, destacam-se o aumento do vale-alimentação, atualmente em apenas 12 reais por dia, o vale-transporte, fixado em 150 reais por mês, e o reajuste de 6,5% prometido pelo governador. Além disso, o sindicato exige melhorias na estrutura das delegacias, que se encontram sucateadas, com mofo, móveis quebrados e muitas sem ar condicionado. A situação se agrava com agentes sendo obrigados a realizar plantões em dupla durante toda a madrugada.

“O momento é grave; não toleraremos mais sermos tratados como meros números na segurança pública! Se hoje o governador pode mencionar dados positivos sobre a redução da violência, isso se deve a nós, policiais civis do estado do Rio de Janeiro. É inadmissível não sermos tratados com respeito. Iremos reivindicar nossos direitos!” declarou Luiz Cláudio da Cunha, vice-presidente do Sindpol-RJ.

No final de 2023, o sindicato realizou uma inspeção nas delegacias de Niterói após denúncias de agentes. A maioria das delegacias apresentava ambientes insalubres, sem salas de descanso adequadas, ausência de assentos sanitários nos banheiros, salas de evidências abarrotadas de provas sem espaço de armazenamento, paredes mofadas, e infestações de cupins e baratas.

Advertisement

O Sindicato faz um apelo à categoria para denunciar qualquer tipo de abuso que estejam sofrendo por meio dos canais de comunicação do Sindpol-RJ. A greve é considerada como uma possibilidade real caso as demandas não sejam atendidas.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Policiais Civis do RJ alertam para possível greve diante de ignoradas reivindicações
Advertisement

4 COMENTÁRIOS

  1. Claudio fraco!
    Cadê o dinheiro da Privatização da Cedae? Onde esse cara enfiou? 12 Reais como vale alimentação é muita sacanagem. 150 por mês pra vale transporte é um escárneo.
    Como é que a Sociedade pode cobrar uma Polícia honesta e eficiente se o Estado não dá as minímas condições de trabalho.

  2. Tem que aumentar impostos para poder pagar melhores benéficos para os funcionários público (12 reais de alimentação e 150 de auxílio transporte é muita sacanagem) enquanto isso dezenas de milhões de gastos com câmeras corporais em toda polícia do estado.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui