Porto Maravilha se desenvolve com a chegada de novas empresas e empreendimentos

Conteúdo publieditorial: Águas do Rio escolhe como sua casa o Armazém 2, às margens da Baía de Guanabara, onde também promove treinamentos e eventos

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

O Porto Maravilha vem mudando com a chegada de novas empresas e empreendimentos, dando uma nova cara ao Centro do Rio de Janeiro. Umas das empresas mais recentes a aportar na região foi a Águas do Rio, que tem a recuperação da Baía de Guanabara e a revitalização da região central da capital fluminense como metas. A empresa entendeu que poderia contribuir para o projeto de (re)ocupação da região do Porto Maravilha e escolheu o Armazém 2 do Píer Mauá como sua casa para operar sistemas de abastecimento de água e de esgotamento sanitário em 27 municípios do estado, incluindo o Centro e as zonas Sul e Norte cariocas.

Ao longo de seis meses, obras feitas no espaço transformaram o local, escolhido a dedo pela proximidade com a baía. Respeitando as regras do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), já que os armazéns são tombados, o projeto manteve as fachadas, os telhados e as áreas de varanda, mas modificaram consideravelmente o espaço interno.

O Armazém 2 do Porto Maravilha recebeu:

  • auditórios;
  • espaço de imersão para receber visitantes;
  • salas de reuniões;
  • refeitório;
  • baias de trabalho;
  • um moderno Centro de Operações Integradas, que monitora em tempo real, 24 horas por dia, toda a área sob a responsabilidade da companhia em território fluminense.

Esta estrutura faz com que a gente consiga movimentar a região do porto. Fazemos treinamentos de equipes, realizamos muitas reuniões em nossa sede e abrimos o espaço para a visita de lideranças comunitárias, escolas e representantes da sociedade civil. Além, é claro, do nosso time que trabalha no armazém. Acreditamos muito na criação de um círculo virtuoso de crescimento”, afirmou o presidente da Águas do Rio, Alexandre Bianchini.

Advertisement
5 AdRAlexandreBianchini Porto Maravilha se desenvolve com a chegada de novas empresas e empreendimentos

No roteiro do Passaporte Cultural

No início deste mês, a sede da Águas do Rio se tornou um dos destinos do programa “Passaporte Cultural”, da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa. Tudo porque a concessionária assinou termo de parceria com o governo estadual e passou a receber estudantes de escolas e universidades públicas, organizações culturais comunitárias, entre outros grupos beneficiados pelo projeto. Com o compromisso firmado, a empresa se une a locais como Museu do Amanhã, AquaRio, Maracanã, Planetário e Theatro Municipal.

Criado em 2021, o programa amplia o acesso de pessoas de baixa renda a espaços culturais com ingresso gratuito a museus, casas de espetáculos, cinemas e exposições. Mais de 80 mil pessoas já tiveram acesso a esses locais, muitas vezes inacessíveis por falta de incentivo.

9AdRsaladeimersao Porto Maravilha se desenvolve com a chegada de novas empresas e empreendimentos

Ações movimentam a economia da região

A concessionária também realizou recentemente dois eventos na região portuária que reuniram diversos públicos. Em junho, o seminário “Mergulhando na Lagoa” atraiu ambientalistas, professores universitários, representantes de órgãos ambientais e líderes comunitários. Foram aproximadamente 150 pessoas. Em julho foi a vez de anunciar a assinatura das licenças ambientais para o início das obras do cinturão de proteção da Baía de Guanabara. Além disso, são realizados periodicamente treinamentos com mais de 200 pessoas ao mesmo tempo.

Dono de dois restaurantes a poucos metros do Armazém 2, Mauricio Tabet, de 64 anos, abriu o primeiro deles em 2019. Sofreu duro baque nos negócios com a pandemia que chegou avassaladora no ano seguinte, mas, com muito trabalho, começou a se reerguer. Hoje, vê os seus estabelecimentos receberem um bom movimento de terça a quinta-feira, dias em que o home office não é a opção de trabalho escolhida pela maioria dos seus clientes.

“O Porto do Rio é entretenimento com segurança. Temos estacionamentos e opções de diversão para todas as idades. A chegada de empresas ao local, como a Águas do Rio, ajuda muito a movimentar a economia da região. Espero que esse movimento de companhias fincarem raízes aqui seja um processo em franca expansão”, disse Tabet.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Porto Maravilha se desenvolve com a chegada de novas empresas e empreendimentos
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui