Prefeitura de Iguaba Grande compra fraldas geriátricas com indícios de superfaturamento

Município, chefiado por Vantoil Martins (Cidadania), teria pago R$ 1.005.250,00, por 55.000 pacotes de fraldas, sendo que população da cidade é de aproximadamente 28.000 pessoas. A empresa vendedora das fraldas, também vende peças automotivas e oferece aluguel de carros

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Prefeito de Iguaba Grande, Vantoil Martins (Cidadania) / Rede Social

Tramita no Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) um processo de investigação relacionado a compra de fraldas geriátricas pela Prefeitura de Iguaba Grande, na Região dos Lagos. O município, chefiado por Vantoil Martins (Cidadania), teria pago R$ 1.005.250,00, por 55.000 pacotes de fraldas da marca Alfasoft, por meio de um contrato firmando com a empresa Mamedico cirúrgico Ltda, sediada em Araruama, cidade também localizada na Região dos Lagos.

Pelo contrato, a Prefeitura de Iguaba Grande teria pago R$ 18,20 por cada pacote de fralda EG, e $ 18,00 pelo pacote de fralda G. Segundo o jornal Cabo Frio em Foco, uma pesquisa de mercado teria mostrado que os preços dos itens estão superfaturados, uma vez que as fraldas no atacado saem por R$ 10,70, contabilizando um sobrepreço de aproximadamente R$ 416.750,00.

O jornal chama atenção para o fato de que a Mamedico, responsável pela venda das fraldas geriátricas, também comercializa peças automotivas, oferece aluguel de carros, entre outras atividades apresentadas em seu CNPJ. As informações geraram desconfiança na população. Outro fato que chamou atenção foi quantidade de fraldas compradas: 412.500 unidades, sendo que a população de Iguaba Grande contaria com apenas 28.000 moradores, em média.

De acordo com o veículo, a Câmara Municipal de Iguaba Grande deveria estar mais atenta aos gastos da Prefeitura, já que a discrepância entre os valores por ela contratados e os praticados no mercado perfaz quase meio milhão de reais, dinheiro que poderia ser destinado aos cuidados com os idosos da cidade, que dependem da farmácia básica para a realização dos seus tratamentos de saúde.

Advertisement

O Cabo Frio em Foco ressalta que o valor total da compra das fraldas, R$ 1.005.250,00, saiu do Fundo Municipal de Saúde, tendo sido aprovado por instâncias de fiscalização e controle externo.

Informações: Cabo Frio em Foco

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Prefeitura de Iguaba Grande compra fraldas geriátricas com indícios de superfaturamento
Advertisement

2 COMENTÁRIOS

  1. não entendo os prefeitos: sabem quecsuas contas são reviradas do avesso, que não tem como fazer mutreta, e mesmo assim fazem.

    só resta a eles outra coisa, exceto a honestidade, mesmo que contra a vontade… por mais que a tentação do enriquecimento ilícito faça coçar as mãos.

    é isso ou o vexame de parar nas folgas dos jornais, pois deve ser muito desconfortável ser honesto por falta de opção e não ter publicidade sobre isso.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui