Prefeitura de Itaguaí facilita a entrega de remédios para hipertensão e diabetes na cidade

Munícipio melhora o acesso desses medicamentos nas ESFs de Piranema, Santa Cândida e Centro

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação

Pacientes de Itaguaí que fazem uso de medicamentos para hipertensão e diabetes agora contam com uma novidade: a Prefeitura de Itaguaí descentralizou a entrega de remédios, tornando-os mais acessíveis aos usuários. Antes, a entrega ocorria apenas na Farmácia Central e Farmácia Popular, mas com a reestruturação, a população pode buscá-lo em unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESFs) mais perto de casa.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), neste primeiro momento, as ESFs de Piranema, Santa Cândida e Centro passaram a fazer a distribuição. Em breve, a Prefeitura irá ampliar o serviço para as demais unidades do município.

O programa “Farmácia Volante” foi criado para facilitar o acesso aos medicamentos de moradores que estão distante da região central. A adesão ao projeto é opcional. A ideia surgiu durante as capacitações do Projeto Aprimora ESF, ocasião em que os profissionais de saúde relataram as dificuldades de muitos moradores adquirirem a medicação.

“Muitos pacientes não tinham dinheiro para a passagem e, com isso, não estavam tomando os medicamentos”, pontua o secretário de Saúde, Carlos Eduardo Zóia. “O objetivo é reduzir as intercorrências que demandam a internação. Com o tratamento correto, conseguimos oferecer qualidade à população”, acrescenta.

Advertisement

Leia também

MP é acionado para investigar manifestantes que declaram apoio ao Hamas na frente da Câmara do Rio

Deputados propõem destinar R$15 milhões da Alerj para 10 municípios afetados por chuvas no RJ

A iniciativa trata-se de um serviço de assistência farmacêutica.

“Trata-se de atenção e orientação farmacêutica. Às vezes, reescrevo a receita nos moldes da orientação farmacêutica para ajudar a compreensão do paciente sobre a prescrição”, explica a farmaceutica da SMS, Geisa Werneck Lacerda.

De acordo com a SMS, são ofertados 39 medicamentos da grade da prefeitura para atender ao programa de hipertensão e diabetes. Os pacientes foram divididos em quatro grupos e a entrega ocorre mensalmente. Cada paciente recebe os remédios sufientes para 30 dias de tratamento.

O trabalho vai além de facilitar o acesso. Ao receber os medicamentos, os usuários recebem orientações sobre o uso racional dos remédios.

“Utilizamos diversos métodos de atuação para promover autonomia do paciente no manejo do seu próprio tratamento. Fazemos um rearranjo da receita, com orientações do horário de tomar cada remédio”, completa Geisa.

Números

No Brasil, 21,4% da população acima dos 18 anos possui hipertensão. Em relação a diabetes, esse número representa 6,9%. Em Itaguaí, segundos dados da SMS de 2022, a atenção básica em saúde assiste 8.322 hipertensos. Em relação aos diabéticos, esse número é menor: 2.115 fazem acompanhamentos nas unidades de saúde da cidade.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Prefeitura de Itaguaí facilita a entrega de remédios para hipertensão e diabetes na cidade

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui